Band Multi

Maior Odaiko do Brasil e da América Latina é instalado em parque em Itu

Instrumento japonês possui mais de dois metros de altura e peso aproximado de 400 kg

Da Redação

Instrumento está exposto no parque
Instrumento está exposto no parque
Divulgação

O Parque Maeda, localizado em Itu (SP), agora abriga o maior Odaiko do Brasil e da América Latina. Trata-se de um instrumento musical que, sobre a base, possui mais de dois metros de altura e peso aproximado de 400 kg. Este em questão, apelidado pelos tocadores de “Gigadaiko”, veio transportado do Japão através de navio em 2011 e estava até então aos cuidados da Associação Brasileira de Taiko (ABT).

Agora, em uma parceria com a ABT, o Odaiko está em exposição dentro do Parque Maeda e pode ser apreciado por todos os visitantes. Utilizado em eventos importantes da colônia japonesa, o instrumento representa a grandiosidade dos valores propagados pela cultura do taiko. Para conseguir tirar um som satisfatório do instrumento, o tocador deve treinar condicionamento físico e técnica de percussão por anos. No Japão, na maioria dos grupos, somente o líder ou o mais talentoso integrante do grupo pode tocá-lo. Para se ter ideia, um Odaiko profissional, feito de tronco maciço e trabalhado internamente, pode ter valor equivalente ao de uma casa no Japão.

Para a diretoria do Parque Maeda, o fato de o local ter sido escolhido para abrigar um Odaiko é um privilégio. “Recebemos milhares de visitantes todos os meses, muitos deles realmente apreciadores da cultura japonesa, além de diversos grupos de taiko que aqui se apresentam. O instrumento agora se junta aos vários componentes do parque que remetem ao Japão”, afirma Henrique Maeda, um dos administradores do Parque.