Band Multi

Brad Pitt fala sobre aposentadoria e diz ter cegueira facial

Estrela deu uma entrevista para a revista GQ e falou sobre vários aspectos de sua vida

Marmella 23/06/2022 • 17:34
Ensaio fotográfico de Brad Pitt para a revista GQ
Ensaio fotográfico de Brad Pitt para a revista GQ
Reprodução

Brad Pitt pode deixar as telonas num futuro próximo! O astro deu uma entrevista à revista GQ, que teve a capa divulgada nesta quarta-feira (22), e falou sobre sua carreira e vida, cogitando se aposentar da atuação. 

“Eu me considero na minha última etapa”, disse Pitt, “neste último semestre ou trimestre. O que vai ser essa seção? E como eu quero projetar isso?”, completou.

No atual momento, Pitt tem dois trabalhos acontecendo, nos longas “Trem Bala”, sobre cinco assassinos a bordo de um trem em movimento rápido, e o drama histórico “Babylon”.

O ator de 58 anos, conhecido por suas atuações em “ Clube da Luta ” e “ Era Uma Vez em Hollywood ”, gradualmente se afastou dos papéis na tela e, em vez disso, assumiu uma posição atrás das câmeras como produtor de filmes. Pitt é o atual CEO da Plan B Entertainment, que dirigiu trabalhos como " Moonlight " de 2016 , o filme vencedor do Globo de Ouro " Minari " e o remake recém-lançado de  " O Pai da Noiva ".

Cegueira Facial

Durante a conversa, o artista também revelou que pode ter prosopagnosia, também conhecido como cegueira facial, que o proíbe de reconhecer novos rostos ou lembrar de pessoas que conhece em ambientes sociais (embora Pitt diga que "ninguém acredita" que ele sofra da doença).

A prosopagnosia é um distúrbio neurológico que atrapalha na capacidade de reconhecer pessoas, mesmo que elas sejam próximas. Indivíduos com a condição não conseguem identificar os traços do rosto dos outros e costumam identificá-los por meio de outras características, como o cabelo, as roupas ou a voz.

O distúrbio pode afetar pessoas de todas as idades, sendo mais frequente em decorrência de traumas cerebrais, AVC, Alzheimer, esquizofrenia e depressão. A cegueira facial também pode ser congênita, devido a fatores genéticos.

Tabagismo, sobriedade e depressão

Pitt disse também que parou de fumar completamente durante a pandemia porque reduzir o número de cigarros por dia não foi suficiente. "Eu não tenho essa capacidade de fazer apenas um ou dois por dia".

Compartilhando detalhes de sua sobriedade, o ator contou que quando Angelina Jolie pediu o divórcio  em 2016, ele ficou sóbrio naquele ano e compareceu às reuniões dos Alcoólicos Anônimos.

“Eu tinha um grupo de homens muito legal aqui que era muito privado e seletivo, então era seguro. Porque eu tinha visto coisas de outras pessoas que foram gravadas enquanto elas desabafavam, e isso é simplesmente atroz para mim”, disse.