Band Multi

Vereadores aprovam processo de cassação do prefeito de Presidente Prudente

Ed Thomas tem 10 dias para apresentar a defesa

Por Hiltonei Fernando

Ed Thomas tem 10 dias para apresentar a defesa
Ed Thomas tem 10 dias para apresentar a defesa
foto: cedida

Em sessão ordinária realizada na noite de segunda feira (1), os vereadores da Câmara Municipal de Presidente Prudente-SP aprovaram a abertura do processo de cassação do prefeito da cidade, Ed Thomas.

Por nove votos a favor e três contrários, o pedido apresentado pelo vereador, Mauro Neves, foi aprovado. O pedido foi feito baseado em uma denúncia que o prefeito deixou de aplicado cerca de R$ 90 mil em emendas impositivas em uma Unidade de Saúde do bairro Vila Marcondes, entre os anos de 2022 e 2023.

Após a votação, foi definido, por meio de sorteio, os integrantes da Comissão Processante (CP). Ela será composta pelos vereadores Miriam Brandão, a presidente, Enio Perrone, como relator, e a Nathália Barbosa, como vai integrar a comissão.

A partir de agora, a comissão tem até cinco dias para notificar o prefeito, depois, o chefe do executivo tem até 10 dias para fazer uma defesa prévia e a comissão criará um relatório que será votado no plenário.

O prefeito, Ed Thomas, informou a equipe da Band Paulista que as obras não foram iniciadas porque a empresa que ganhou o processo licitatório não estava apta para execução do projeto. Ele também informou que um novo processo licitatório teria sido aberto.

O prefeito disse ainda que se sente tranquilo em relação ao processo de cassação aprovado pela câmara e que agiu dentro do cumprimento da lei.