Band Vale

Família procura por jovem de 22 anos que desapareceu em São Sebastião

Último registro do carro que ele dirigia foi no Rio de Janeiro

Redação Band Vale 17/09/2021 • 14:24
Família procura por jovem de 22 anos que desapareceu em São Sebastião
Família procura por jovem de 22 anos que desapareceu em São Sebastião
Arquivo Pessoal

Um rapaz de 22 anos, morador de São Sebastião, chamado Tauan Cardoso Vital Rosa está desaparecido desde a última sexta-feira, quando saiu de casa com o carro da mãe durante a madrugada. As informações são da repórter Marina Larcher, da Band Vale Litoral.

Os familiares registraram o boletim de ocorrência no mesmo dia em que perceberam que o rapaz havia saído com o carro, modelo Honda Civic preto e explicaram que alguns momentos antes, ele tinha bebido com alguns amigos em frente ao portão de casa.

Segundo a irmã mais velha, Lorraine Cardoso, de 24 anos, que mora atualmente em Jacareí, como já era madrugada, a mãe pediu para que parassem de falar alto e fosse cada um pra suas casas. Depois disso, ele teria ido com os amigos para outro local próximo e continuaram conversando e bebendo quando ele disse que pegaria o carro da mãe e iria embora.

Lorraine explicou que a decisão do irmão não faz sentindo, porque ele sempre foi muito família e não tinha nada que indicasse que ele passava por problemas ou que estava infeliz com alguma coisa.

Ainda no boletim, os últimos registros de passagem pelo pedágio mostram que o rapaz teria passado pela ponte Rio-Niterói. Segundo a irmã, o pai deles foi para o Rio de Janeiro atrás de uma delegacia para fazer a denúncia de desaparecimento, mas os policiais não ajudaram. 

Ela ainda conta que a mãe solicitou em São Sebastião que a polícia rastreasse o celular de Tauan, mas como a permissão demora 15 dias, nada foi feito e eles estão sem notícias do jovem.

“A gente não tem mais pistas dele. Não tem mais como saber. A polícia não quis ir mais a fundo. Pra eles, meu irmão saiu e daqui a pouco, ele volta”, afirmou.

No momento, Lorraine explicou que  a única coisa que sabem é que o carro não está em movimento e continua no Rio de Janeiro, por causa do último radar que o rapaz passou, próximo ao bairro Botafogo.

Além desta situação, a irmã ainda contou que recentemente eles têm recebido muitos trotes de pessoas falando sobre sequestro. Por mais que eles mandem as ligações para a polícia verificar e saibam que não passa de mentiras, ela conta que tudo isso tem sido muito difícil.

Quem tiver qualquer informação pode ligar para 190 ou 181.

  • São Sebastião
  • jovem desaparecido