Band Vale

Gil Rugai tem progressão ao regime semiaberto autorizada pela Justiça

Ele cumpre pena na Penitenciária “Dr. José Augusto Salgado”, a PII de Tremembé

Redação Band Vale 23/11/2021 • 17:02 - Atualizado em 23/11/2021 • 17:06
Gil Rugai tem progressão ao regime semiaberto autorizada pela Justiça
Gil Rugai tem progressão ao regime semiaberto autorizada pela Justiça
Brazil Photo Press/Folhapress

Condenado a prisão pela morte do pai e da madrasta, o ex-seminarista Gil Rugai teve a progressão ao regime semiaberto autorizada pela Justiça. Ele cumpre pena na Penitenciária “Dr. José Augusto Salgado”, a PII de Tremembé, no interior de São Paulo.

Gil Rugai foi condenado a 36 anos de prisão pelo assassinato do pai Luiz Carlos Rugai e da madrasta Alessandra Troitino.

Eles foram mortos no bairro de Perdizes, em São Paulo, em 28 de março de 2004. A frieza de Gil Rugai ao receber a notícia da morte o tornou principal suspeito pelo assassinato.

Na decisão, a juíza Sueli Zeraik afirma que Gil Rugai tem histórico de bom comportamento na prisão. “Diante de tal quadro, não há como negar a progressão de regime, eis que evidenciado o mérito do postulante, que logrou comprovar a presença dos requisitos legais necessários”.

No regime semiaberto, Gil Rugai passará a ter direito a saídas temporárias ao longo do ano.

A juíza também determina que a direção da PII, de Tremembé, tem 15 dias para definir como será a transferência de Gil Rugai do regime aberto ao semiaberto. 

  • Gil Rugai
  • Regime semiaberto
  • Tremembé