Band Vale

Museu Vivo, em São José, terá diversão, rosquinha e brinquedos de madeira

A dupla Vira Cambota, formada por Fábio Soares e Regiane da Silveira, vai comandar a diversão no Museu Vivo deste domingo

Redação Band Vale

A dupla Vira Cambota, formada por Fábio Soares e Regiane da Silveira
A dupla Vira Cambota, formada por Fábio Soares e Regiane da Silveira
Divulgação/ PMSJC
Topo

O Museu Vivo deste domingo (16), no Museu do Folclore de São José dos Campos, estará voltado para as crianças. As atividades específicas ficarão por conta da dupla Vira Cambota, formada pelos artistas Fábio Camargo e Regiane da Silveira.

Além deles, estarão presentes a culinarista Solange Cristina Moreira, que fará rosquinha mineira, e o artesão Elias Donizete Belarmino, que produz brinquedos de madeira. Todos compartilharão seus saberes e fazeres, oferecendo às pessoas uma verdadeira vivência da cultura popular.

As atividades acontecem na área externa do museu, no horário das 14h às 17h, e a ordem é interagir com os fazedores. O programa visa, ao mesmo tempo, valorizar os saberes de cada fazedor e dar visibilidade aos seus fazeres.

Diversão

Brincantes desde 2013 e atuando em oficinas, monitorias e apresentações, Fábio e Regiane se inspiraram na cultura popular para montar, em 2019, o novo projeto da dupla. A vivência faz um passeio pelo imaginário folclórico, que procura interagir com crianças e adultos.

As canções fazem referência aos ritmos e sonoridades existentes na cultura popular, com letras que falam de seres míticos e lendários. De forma lúdica, a dupla brinca com a inteligência das crianças. 

Fábio Camargo, 46 anos, é músico, compositor, cantor, ator e brincante. Atua na área desde 2002 e já integrou vários grupos e projetos. Regiane da Silveira, 33 anos, é cantora, musicista, escritora e brincante. É formada em terapia ocupacional, área em que também atua profissionalmente.

Tópicos relacionados