BandNews FM

Câmara aprova medida provisória que cria o Auxílio Brasil

Senado deve analisar o texto nos próximos dias

BandNewsFM 25/11/2021 • 17:37 - Atualizado em 25/11/2021 • 21:41
Auxílio Brasil substitui o Bolsa Família
Auxílio Brasil substitui o Bolsa Família
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O novo programa social, que vai substituir o Bolsa Família, foi aprovado, de forma unânime com 344 votos, na Câmara dos Deputados e traz definições sobre os valores de renda de cada beneficiário.

Com isso, o Senado deve analisar nos próximos dias o texto da Medida Provisória.

Agora, as famílias em situação de pobreza são as que tem renda per capita mensal entre 105 a 210 reais.

Já as famílias em situação de extrema pobreza são as que tem renda per capita mensal igual ou inferior a 105 reais, valores que são maiores do que os previstos inicialmente pelo governo.

Marcelo Aro defendeu ainda que a medida vai aumentar o número de pessoas que vão receber o benefício.

Segundo o governo, serão 17 milhões de famílias atendidas e os recursos virão da PEC dos Precatórios, que ainda está em tramitação no Senado.

Marcelo Aro tinha proposto o reajuste automático do benefício pela inflação, mas recuou da proposta para que a medida provisória fosse aprovada, e criticou a resistência da base do governo.

No entanto, a extinção do Bolsa Família foi criticada pela oposição, como falou o deputado Arlindo Chinaglia.

Ele criticou também o presidente Jair Bolsonaro e chamou o Auxílio Brasil de “eleitoreiro”.

Além do Auxílio Brasil, a Medida Provisória cria também o programa Alimenta Brasil, em substituição ao Programa de Aquisição de Alimentos. 

O programa busca incentivar a agricultura familiar, dar acesso à alimentação para pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional e promover o abastecimento alimentar.