BandNews FM

CEO da Moderna tumultua mercado ao duvidar de imunizantes contra a Ômicron

Fabricante americana, no entanto, afirma que adaptação para nova cepa pode ser feita em três meses para combater nova variante do coronavírus

Rádio BandNews FM 30/11/2021 • 11:24
CEO da Moderna tumultua mercado ao duvidar de imunizantes contra a Ômicron
CEO da Moderna tumultua mercado ao duvidar de imunizantes contra a Ômicron
Foto: Agência Brasil

O CEO da Moderna, empresa fabricante de uma das vacinas disponíveis contra a Covid-19, afirmou que os imunizantes atuais podem ser menos eficazes contra a Ômicron. Stephane Bancel deu a declaração ao jornal Financial Times e a fala vem derrubando o mercado de ações mundo afora. Até 11h, as bolsas europeias registram queda de aproximadamente 1%. No Brasil, a B3 cai 0,13%.

Falando sobre a redução na capacidade dos imunizantes, o executivo afirmou: "Acho que será uma queda substancial [na capacidade dos anticorpos]. Só não sei quanto, porque precisamos esperar pelos dados”.

A Moderna garantiu, no entanto, que consegue fazer em dois ou três meses adaptações na vacina que combata a nova variante do coronavírus.

A cepa foi identificada inicialmente na África do Sul e já está presente em cinco continentes.

A comunidade internacional se preocupa com a variante por conta das muitas mutações do vírus. A Organização Mundial da Saúde considera a variante como “preocupante” e disse que em duas semanas terá respostas sobre a possível maior capacidade do vírus.