BandNews FM

Começa julgamento de militares acusados de matarem músico no RJ, MP pede condenação

Militares realizaram mais de 257 tiros contra carro da Evaldo Rosa; catador de recicláveis também foi morto

Rádio BandNews FM 13/10/2021 • 13:22 - Atualizado em 13/10/2021 • 21:54
MP pede condenação de oito militares pelas mortes do músico Evaldo dos Santos Rosa e do catador de latinhas Luciano Macedo
MP pede condenação de oito militares pelas mortes do músico Evaldo dos Santos Rosa e do catador de latinhas Luciano Macedo
Foto: Reprodução

O Ministério Publico Militar pediu a condenação de oito dos doze militares pelas mortes do músico Evaldo dos Santos Rosa e do catador de recicláveis Luciano Macedo, em Guadalupe, na Zona Norte do Rio. O órgão solicitou ainda a condenação deles pela tentativa de homicídio do sogro de Evaldo, que também foi baleado, mas sobreviveu.

Além do sogro, Evaldo seguia para um chá de bebê com a mulher, uma amiga dela, e o filho de sete anos.

O caso ocorreu em 2019, quando os militares realizaram 257 tiros em direção ao carro do músico. O veículo foi atingido por 62 disparos de fuzil e pistola. A guarnição estava em alerta porque um veículo tinha sido roubado na região.

A mulher de Evaldo, Luciana Nogueira, disse que espera por justiça. Já a esposa do catador Luciano, que foi baleado ao tentar ajudar a família, lamenta que a filha do casal não possa conviver com o pai.

Dos doze militares envolvidos, o MP pede a absolvição de quatro pelo crime de homicídio e tentativa de homicídio, já que, segundo as investigações, esses militares não atiraram: são o motorista, o rádio-operador, o segurança retaguarda e o cabo

O MP pede também a absolvição de todos os doze militares pelos crimes de omissão de socorro, já que eles acionaram o socorro, e o de uso excessivo da força.

O julgamento aconteceu nesta quarta-feira (13), dois anos e meio depois do crime. 

  • Brasil