BandNews FM

Correios não vão ter reajuste de preços pelo segundo ano consecutivo

Estatal teve um aumento de 40% no volume de encomendas em 2021

Rádio BandNews FM 14/01/2022 • 18:37
A medida vale para serviços como SEDEX, PAC e também de importação e exportação
A medida vale para serviços como SEDEX, PAC e também de importação e exportação
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Pelo segundo ano consecutivo, os Correios anunciam que os preços de encomendas nacionais e internacionais não vão passar por reajuste. A medida vale para serviços como SEDEX, PAC e também de importação e exportação. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (14).

Além disso, a empresa afirmou que vai reduzir, a partir do próximo dia 31, os valores cobrados atualmente em 420 cidades espalhadas pelo país. De acordo com a estatal, as medidas ocorrem em meio a um processo de modernização iniciado em 2019, que trouxe a ampliação da capacidade operacional e a renovação do portfólio de produtos.

Em 2021, os Correios registraram um aumento de 40% no volume de encomendas em relação ao ano anterior. Na análise da estatal, o número é decorrente das mudanças no comportamento do consumidor, ocasionadas pela pandemia de Covid-19, que restringiu a circulação de pessoas e afetou o comércio convencional.