BandNews FM

CPI da Pandemia ouve lobista da Precisa nesta quarta

Marconny Albernaz gerou confusão recentemente ao faltar à sessão, além de apresentar um atestado de dores pélvicas que foi cancelado pelo médico

Rádio BandNews FM 15/09/2021 • 09:29 - Atualizado em 15/09/2021 • 09:52
omissão de Inquérito Parlamentar da Pandemia vai ouvir o depoimento do lobista da Precisa Medicamentos
omissão de Inquérito Parlamentar da Pandemia vai ouvir o depoimento do lobista da Precisa Medicamentos
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

A Comissão de Inquérito Parlamentar da Pandemia vai ouvir o depoimento do lobista da Precisa Medicamentos, Marconny Albernaz, nesta quarta-feira (15).  

Ele gerou confusão recentemente ao faltar à sessão, além de apresentar um atestado de dores pélvicas que foi cancelado pelo médico.

O colegiado apura qual foi a participação de Marconny Albernaz no contrato com o Ministério da Saúde de mais de R$ 1 bilhão para a compra da vacina indiana Covaxin.

Além disso, a Justiça Federal de Brasília autorizou a condução coercitiva de Albernaz, caso ele não compareça e nem justifique a eventual ausência neste novo depoimento marcado com a CPI da Pandemia.

Nesta terça-feira (14), um grupo de Juristas, liderado pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregou a CPI um documento que mostra possíveis crimes de responsabilidade comentidos pelo presidente Jair Bolsonaro durante a pandemia.

O estudo foi solicitado pelo Senador Alessandro Vieira, do Cidadania de Sergipe, e deve embasar o relatório final do senador Renan Calheiros, relator da Comissão.

  • Brasil