BandNews FM

Desenrola inicia nova fase com renegociação de dívidas de até R$ 20 mil

Na quarta-feira, o governo faz um mutirão de renegociações com funcionamento dos bancos em horário estendido

Rádio BandNews FM

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Desenrola inicia nova fase com renegociação de dívidas de até R$ 20 mil

O Programa Desenrola Brasil começa nesta segunda-feira (20) a oferecer renegociações de dívidas de até R$ 20 mil, negativadas entre 2019 e 2022. Os descontos podem chegar a 99%, incluindo débitos em contas de luz, água, cartão de crédito, varejo, educação, entre outros.

Dentro dessa nova fase do programa, o Ministério da Fazenda promove na próxima quarta-feira (22) o “Dia D do Mutirão Desenrola” para renegociações, com horário estendido de atendimento das agências para facilitar a adesão aos descontos. Os horários variam de acordo com a adesão de cada banco.

Os bancos cadastrados no gov.br são: Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, BRB - Banco de Brasília, Caixa Econômica Federal, Sicoob, Santander, Itaú Unibanco, Agibank, Sicredi e Banco Mercantil do Brasil.

Dívidas de 5 a 20 mil reais poderão ser refinanciadas até 30 de dezembro. Depois desse prazo, os descontos serão mantidos, mas a dívida só poderá ser quitada à vista. Pelas regras do programa, o parcelamento pode ser feito em até 60 meses, com juros de até 1,99% ao mês.

De acordo com o Ministério da Fazenda, desde o começo do programa, já foram atendidos cerca de 2,7 milhões de brasileiros, gerando mais de R$ 20 bilhões em dívidas renegociadas.

Para ter acesso à plataforma do Desenrola Brasil, o consumidor precisará ter um cadastro gov.br, além de ter os dados cadastrais atualizados. O processo, segundo o Ministério da Fazenda, é uma medida de segurança. A conta é gratuita e está disponível para todos os brasileiros. O cadastro é feito diretamente no portal do governo federal.

Tópicos relacionados