BandNews FM

“Falhou feio”, diz Mourão sobre denúncias de assédio contra Pedro Guimarães

Ex-presidente da Caixa foi demitido do cargo e está sendo investigado

01/07/2022 • 17:57
Vice-presidente Hamilton Mourão avalia que ex-presidente da Caixa Econômica falhou feio
Vice-presidente Hamilton Mourão avalia que ex-presidente da Caixa Econômica falhou feio
Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

O vice-presidente Hamilton Mourão avalia que o ex-presidente da Caixa Econômica falhou feio na parte moral.

Pedro Guimarães é acusado de assédio sexual por funcionárias da instituição e deixou o cargo nesta semana.

Nesta sexta-feira (01), Mourão também afirmou, levando em consideração a experiência como militar, que o assédio de um superior sobre um subordinado é uma das piores coisas que podem acontecer. Segundo o general, a nomeação de Daniella Marques para o lugar de Guimarães é uma resposta "muito eficaz" do governo.

A Caixa decidiu contratar uma empresa externa para fazer investigações complementares e avançar na apuração dos casos de assédio sexual envolvendo Guimarães. A decisão foi tomada em reunião extraordinária do Conselho de Administração do banco.

Segundo a Caixa, "as apurações vão resguardar a integridade de todo e qualquer denunciante" e serão acompanhadas e reportadas ao Conselho, para que novas providências sejam adotadas, no âmbito preventivo ou punitivo.

O caso - que derrubou Pedro Guimarães - já é investigado pelo Ministério Público e corre sob sigilo. O MP junto ao Tribunal de Contas da União entrou com uma representação para que a Corte investigue o ex-presidente por "flagrante violação ao princípio administrativo da moralidade".

O Ministério Público do Trabalho também deu 10 dias para que Pedro Guimarães e o próprio banco se manifestem sobre as acusações feitas por funcionárias da instituição.

Novos áudios divulgados pelo portal Metrópoles mostram o que seria Pedro Guimarães gritando com funcionários, além de coagir e ameaçar os subordinados. As denúncias incluem toques íntimos não autorizados, abordagens inadequadas e convites incompatíveis à relação de trabalho.