BandNews FM

Senado recorre da decisão que impediu depoimento de governador na CPI da Covid-19

Omar Aziz criticou a ausência de Wilson Lima, do Amazonas

BandNews FM 10/06/2021 • 11:30 - Atualizado em 10/06/2021 • 20:32
Senadores da CPI vão recorrer ao Supremo do habeas corpus que favoreceu o governador do AM
Senadores da CPI vão recorrer ao Supremo do habeas corpus que favoreceu o governador do AM
Foto: Agência Senado

Os senadores que compõem a CPI da Covid-19 aguardam uma decisão do Supremo Tribunal Federal para definir os próximos passos do colegiado. 

Nesta quinta-feira (10), os parlamentares iriam ouvir o governador do Amazonas, Wilson Lima. 

No entanto, ele conseguiu um habeas corpus junto ao STF. 

Segundo a relatora Rosa Weber, Lima tem o direito de ficar em silêncio.

Ele seria ouvido sobre a crise de oxigênio em janeiro deste ano. 

Enquanto aguarda a decisão do Supremo, os senadores aprovaram uma série de convocações, que inclui a presença do ministro da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário. 

Outra decisão foi a quebra de informações confidenciais dos ex-ministros Ernesto Araújo e Eduardo Pazuello, além de Carlos Wizard, e Mayra Pinheiro.

Nesta sexta-feira, a CPI vai ouvir a microbiologista Natália Pasternak e o ex-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária Claudio Maierovitch. 

  • CPI da Pandemia
  • STF