BandNews FM

Justiça do RJ decreta prisão preventiva de Jairinho e Monique

Os dois vão responder pelo homicídio de Henry Borel, de 4 anos

07/05/2021 • 14:38
Jairinho e Monique Medeiros
Jairinho e Monique Medeiros
Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

A Justiça do Rio aceita a denúncia do Ministério Público do Rio contra o vereador Jairinho e a professora Monique Medeiros e decreta a prisão preventiva do casal pela morte de Henry Borel.

Na justificativa, a juíza Elizabeth Machado Louro considerou a possível coação de testemunhas por parte dos réus, conversas encontradas no celular de Monique pela polícia, além de os fatos analisados no processo terem causado forte clamor público.

A prisão temporária de Monique e Jairinho venceria neste sábado (08).

Os dois vão responder por homicídio triplamente qualificado, tortura, fraude processual e coação no curso do processo.

  • Caso Henry