BandNews FM

Pai do menino Henry pede para ser assistente de acusação contra Jairinho e Monique Medeiros

A defesa do pai do menino Henry acredita que pode encontrar provas e testemunhas se o pedido por aceito pela Justiça

Rádio BandNews FM 25/05/2021 • 13:52
Leniel Borel, pai de Henry Borel, entrou com um pedido na Justiça do Rio para ingressar como assistente de acusação
Leniel Borel, pai de Henry Borel, entrou com um pedido na Justiça do Rio para ingressar como assistente de acusação
Foto: EBC

Leniel Borel, pai de Henry Borel, entrou com um pedido na Justiça do Rio para ingressar como assistente de acusação no processo contra o vereador Jairinho e a ex-mulher Monique Medeiros, acusados pela morte da criança de 3 anos.

Na petição, obtida com exclusividade pela Band, Leniel requerer a nomeação no processo na qualidade de pai da vítima, representado por seu advogado.

Ele pede também a devolução dos 3 celulares e um laptop que foi apreendido pela Polícia Civil.

Se o pedido for aceito pela Justiça, a defesa de Leniel pode ajudar na busca de provas e testemunhas, por exemplo.

Já o pedido da defesa de Monique Medeiros para a desinterdição do apartamento no qual ela morava com o vereador Jairinho, na Barra da Tijuca, ainda está sendo analisado pelo MP para depois ser decidido pelo TJ.

Henry morreu no dia 8 de março com hemorragias internas que teriam sido causadas por agressões, segundo a polícia.

  • Caso Henry