BandNews FM

PM instala posto de ouvidoria para receber denúncias de moradores do Jacarezinho

A iniciativa faz parte do projeto “Cidade Integrada” para reduzir a criminalidade nas comunidades do Rio de Janeiro

BandNews FM 22/01/2022 • 14:07
O projeto substitui as Unidades de Polícia Pacificadora
O projeto substitui as Unidades de Polícia Pacificadora
Reuters

Após moradores do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio, denunciarem abusos por parte de policiais durante a ocupação da comunidade, a Polícia Militar instalou um posto de ouvidoria para receber reclamações e denúncias.

A favela é um dos primeiros alvos do projeto Cidade Integrada, uma espécie de reformulação das UPPs.

Durante apresentação dos detalhes do programa neste sábado (22), o governador Cláudio Castro afirmou que os envolvidos vão ser punidos, se os casos forem confirmados.

Segundo o secretário estadual de Polícia Militar, o coronel Luiz Henrique Marinho Pires, além da apuração das denúncias recebidas, na próxima quarta-feira (26), uma reunião deve ser realizada entre a Corregedoria da corporação e moradores e representantes de associações da comunidade.

Na última sexta-feira (21), houve registro de um tiroteio no Jacarezinho. De acordo com a PM, criminosos atiraram contra policiais que faziam patrulhamento. Apesar de ninguém ter ficado ferido, a troca de tiros assustou moradores e também impactou a circulação de trens do ramal Belford Roxo, que passa pela região. Na análise do coronel Luiz Henrique Marinho Pires, outros confrontos devem ocorrer durante a ocupação.

O governador revelou que existe um estudo para uma redistribuição dos batalhões da Polícia Militar. A expectativa é que até o fim do primeiro semestre, ocorram avanços em relação a ideia, que pode promover a transferência ou criação de unidades em diferentes bairros e cidades.

Dentro do projeto Cidade Integrada, por exemplo, um novo batalhão deve ser construído no Jacarezinho, no antigo terreno da General Electric, reunindo 400 policiais. Desses, 280 são lotados na UPP da favela e outros 120 vinculados às unidades de Manguinhos.

Na última quarta-feira (19), cerca de 1200 policiais civis e militares fizeram uma megaoperação para ocupar a favela do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio de Janeiro, e deram início ao projeto “Cidade Integrada”.

O projeto substitui as Unidades de Polícia Pacificadora, ação fundada em 2008 para reduzir a criminalidade nas comunidades do Rio de Janeiro.