BandNews FM

Polícia investigará caso de violência envolvendo Dj Ivis e ex-esposa

Caso ganhou repercussão após ex-companheira, Pamella Holanda, divulgar vídeos das agressões

BandNews FM 12/07/2021 • 10:05 - Atualizado em 12/07/2021 • 16:25
Órgão diz que imagens das câmeras do circuito interno da residência não tinham sido apresentadas à Polícia
Órgão diz que imagens das câmeras do circuito interno da residência não tinham sido apresentadas à Polícia
Imagem: Reprodução/Redes Sociais

A Polícia Civil instaurou um inquérito policial para investigar uma ocorrência de lesão corporal no âmbito de violência doméstica registrado, no dia 03 de julho, no município de Eusébio, no Ceará. As imagens das agressões foram divulgadas nas redes sociais neste domingo (11).

De acordo com a Polícia, as agressões ocorreram no dia 1º, porém a vítima, a ex-esposa Pamella Holanda, registrou o caso no dia três, não sendo possível lavrar o flagrante.

Além disso, desde o dia do registro da ocorrência, a Polícia Civil solicitou ao Poder Judiciário medidas protetivas de urgência em favor da vítima. Desde então, o caso segue em investigação.

O órgão diz que as imagens das câmeras do circuito interno da residência, que comprovam as agressões, divulgadas em redes sociais neste domingo (11), não tinham sido apresentadas à Polícia e que mais detalhes podem ser repassados em breve para não comprometer os trabalhos.

AGRESSÃO

Os vídeos do cantor e produtor musical DJ Ivis agredindo a ex-companheira foram divulgados nas redes sociais neste domingo (11). Nas imagens divulgadas, o DJ Ivis aparece dando socos, chutes e puxões de cabelo na ex-esposa, Pamella Holanda, que tem 27 anos.

Em um vídeo, as agressões acontecem na frente da babá, que em alguns momentos tenta afastar o cantor. Em um outro momento, um homem assiste à agressão, mas não interfere. Pamella também divulgou fotos de ferimentos na boca.

Em uma publicação em uma rede social, o DJ Ivis se defendeu dizendo que as imagens divulgadas pela ex-esposa não mostram todo o conflito e que os vídeos foram editados. "Eu sempre tentei fazer de tudo para isso não chegasse a esse extremo. Nada vai justificar a reação que eu tive, mas eu não aguentava mais ameaças", disse.

REPERCUSSÃO

A produtora Vybbe, responsável pelo gerenciamento da carreira do DJ Ivis, informou que desligou o artista da empresa, após a divulgação dos vídeos. Xand Avião, dono da produtora, também divulgou um vídeo falando que não compactua com agressão.

  • Internacional
  • Brasil
  • São Paulo