BandNews FM

Prédio que desabou em Belo Horizonte era irregular

Desabamento matou duas pessoas e deixou cinco feridos

BandNewsFM 07/12/2021 • 20:04
Uma das vítimas é um bebê de 1 ano e 8 meses
Uma das vítimas é um bebê de 1 ano e 8 meses
Foto: Divulgação/CBMMG

O prédio de quatro andares que desabou na madrugada desta terça-feira na Região Norte de Belo Horizonte - matando duas pessoas - era irregular e não tinha sequer projeto aprovado pela Prefeitura. 

O edifício que estava em construção desabou completamente. Em um prédio vizinho, de três andares, o segundo e terceiro caíram, matando a bebê Antonela, de 1 ano e 8 meses, e o músico André Alves, que era vocalista de um grupo de pagode. 

Outros três moradores ficaram feridos e foram encaminhados ao hospital. As causas da queda dos prédios serão investigadas pela Polícia Civil.

Segundo as informações iniciais do Corpo de Bombeiros, três pessoas ficaram sob os escombros e foram resgatadas com vida.

Além dos bombeiros, também estão no local o Samu, Polícia Militar e Polícia Civil. As equipes de resgate ainda trabalham nos escombros, em busca de possíveis outras vítimas.