BandNews FM

SP começa aplicação do reforço contra a Covid-19

Capital paulista usará imunizantes da Pfizer que estavam em estoque para vacinar 800 mil paulistanos em dois dias

BandNews FM 18/11/2021 • 07:34 - Atualizado em 18/11/2021 • 09:47
Capital paulista usará imunizantes da Pfizer que estavam em estoque para vacinar 800 mil paulistanos com a dose de reforço.
Capital paulista usará imunizantes da Pfizer que estavam em estoque para vacinar 800 mil paulistanos com a dose de reforço.
Foto: SMS

A cidade de São Paulo inicia nesta quinta-feira (18) a vacinação da dose de reforço contra a Covid-19 para todos os maiores de 18 anos e que completaram o esquema vacinal há pelo menos cinco meses. A intenção é vacinar nesta primeira etapa 800 mil pessoas que tomaram as vacinas da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac. O avanço da imunização após a segunda aplicação depende da chegada de mais doses.

O Ministério da Saúde garantiu na terça-feira (16), quando anunciou a liberação da terceira aplicação para todos os adultos, que existem doses suficientes para a campanha de vacinação e que fará o repasse aos estados conforme o plano nacional.

Neste primeiro momento, a capital paulista usará doses da Pfizer que estavam em estoque para imunizar nesta quinta todos aqueles que completaram a imunização até 27 de abril. A partir desta sexta (19), podem procurar os postos todos que concluíram a imunização até 17 de junho. O avanço do escalonamento deve ser anunciado assim que novas doses forem entregues.

A aplicação de uma terceira dose da vacina contra a Covid-19, que pode ser diferente do produto usado na primeira etapa de vacinação, foi recomendada com base em pesquisas que apontaram o decaimento dos anticorpos neutralizantes, aqueles que impedem a forma grave da doença.

Até então, estavam sendo vacinados com a dose de reforço os idosos maiores de 60 anos e os imunussuprimidos que completaram a imunização há seis meses.

Em São Paulo, todas as mais de 460 Unidades Básicas de Saúde funcionam para a vacinação. O horário de funcionamento é entre 7h e 19h. A imunização também ocorre nos megapostos, farmácias parceiras e pontos de drive-thrus entre 8h e 17h. As informações detalhadas sobre o calendário e os endereços dos postos estão no site Vacina Sampa.

JANSSEN

A vacinação daqueles que tomaram a vacina até então de dose única da Janssen, não devem procurar os postos de saúde ainda. A Secretaria Municipal de Saúde ainda aguarda um posicionamento do Ministério da Saúde sobre como proceder com este grupo.

De acordo com o ministério, quem tomou a vacina da farmacêutica Johnson & Johnson vai tomar outra dose após dois meses da primeira. Passados cinco meses da segunda aplicação, a dose de reforço será aplicada com um outro imunizante.

O Brasil aplicou todas as vacinas disponíveis da Janssen, por isso, espera a entrega de 38 milhões de doses compradas e ainda não entregues.