BandNews FM

Uso excessivo de fones de ouvido pode causar perda temporária da audição

Dia Mundial da Audição serve de alerta para jovens e relembra cuidados básicos com sistema auditivo

*Maria Cecília Dallal

alerta para o uso excessivo de fones de ouvido
alerta para o uso excessivo de fones de ouvido
Agência Brasil

A Organização Mundial da Saúde estima que mais de 2,5 bilhões de pessoas podem sofrer com algum tipo de perda da audição até 2050. O alerta faz parte do Dia Mundial da Audição, celebrado neste domingo (03), e sinaliza a importância do cuidado com a saúde auditiva.

O uso excessivo de fones de ouvido é um dos principais problemas da modernidade, e atinge principalmente os jovens de 12 a 35 anos de idade, segundo a OMS.

Foi o caso da jovem Laura Kaiber, de 18 anos, que sofreu perda auditiva temporária de um ouvido. "Eu sempre estou com fone quase 24h por dia e durmo mais de 8h com o fone ligado em um volume muito alto. Fui no médico quando estava quase sem escutar nada no meu ouvido esquerdo", conta.

O tratamento foi feito com uso de antibióticos e antiinflamatórios por três semanas, e, mesmo com a melhora, ela diz que ainda sente diferenças de um lado do ouvido para o outro.

Os principais sintomas que podem indicar uma possível perda auditiva são caracterizados por chiado, zumbido, tontura e dificuldade de compreensão de palavras.

O fonoaudiólogo Daniel Zamprogna explica que o modelo do fone tem influência na saúde da audição. "A preferência sempre é para o fone externo, o fone concha, que abafa o som e não causa tanto prejuízo. Já os internos lesam o ouvido por excesso de estímulo", diz.

O médico alerta, ainda, que há casos de danos irreversíveis. "Uma lesão na célula da orelha interna é permanente, sem recuperação. A pessoa vai acabar trocando o fone de ouvido por um aparelho auditivo."

Segundo a OMS, quase 60% dos casos de perda auditiva no mundo poderiam ter sido evitados. "O repouso acústico é muito importante, pois o ouvido é um dos únicos órgãos que nunca dormem. Os maiores cuidados são o tipo de fone, a qualidade sonora e a intensidade", lembra Zamprogna.

A data 3/03 foi escolhida para marcar o Dia Mundial da Audição em razão dos três menores ossos do corpo humano. A bigorna, o martelo e o estribo são responsáveis pela maior parte da condução do som no sistema auditivo.

*Sob supervisão de Bruna Barone 

Tópicos relacionados