BandNews FM

Vídeo em que Anitta faz críticas ao governo federal é de 2022

É enganoso o post que usa um vídeo antigo para sugerir que a cantora Anitta está arrependida de ter prestado apoio ao presidente Lula (PT)

Rádio BandNews FM

Comprova
Comprova
Reprodução/Comprova
Topo

É enganoso o post que usa um vídeo antigo para sugerir que a cantora Anitta está arrependida de ter prestado apoio ao presidente Lula (PT). As imagens que circulam não são de 2024, como o vídeo tenta induzir. Elas foram retiradas de uma transmissão ao vivo que a artista participou com o cantor Filipe Ret, em 12 de julho de 2022. Na ocasião, a cantora fez críticas à gestão e à postura de Jair Bolsonaro (PL) e reafirmou o apoio a Lula na campanha eleitoral daquele ano.

Conteúdo investigado: Post que compartilha um vídeo no qual Anitta aparece em uma live fazendo críticas ao governo e afirma que a população brasileira tem tido dificuldade de se alimentar. A cantora também diz que a “pessoa no comando” incita brigas entre os cidadãos. As imagens foram publicadas com a legenda “Será que a ficha está caindo?”, em 5 de fevereiro de 2024.

Onde foi publicado: X.

Conclusão do Comprova: Anitta participou de uma live promovida pelo cantor Filipe Ret, em 12 de julho de 2022, sobre a parceria musical deles, e a dupla comentou outros assuntos, entre eles o governo então vigente e as eleições presidenciais de 2022. No trecho da transmissão ao vivo publicado pelo canal do Poder360 e na íntegra publicada pelo canal do YouTube Vou Contar Tudo, a artista afirma que decidiu declarar seu voto ao então candidato Lula e opina que a população brasileira estaria com dificuldades para se alimentar durante a gestão de Jair Bolsonaro e que ele incitaria a briga entre os eleitores.

“Minha família mora toda no Brasil, minha galera. Minha família sabe o preço de todas as coisas que as pessoas não estão conseguindo comer no Brasil. Isso não é normal, galera. E o pior de tudo é ter uma pessoa no comando que incentiva a sociedade a ficar brigando uns com os outros. Isso não existe. É por isso que eu, que nunca cogitei votar no Lula, agora voto”, declarou.

Na postagem investigada aqui, feita em 5 de fevereiro de 2024, a fala de Anitta foi retirada de contexto e o trecho seguinte, em que a cantora afirma seu voto em Lula, foi cortado. Além disso, o vídeo é acompanhado da legenda “Será que a ficha está caindo?”, induzindo à interpretação de que a declaração é recente e se refere ao atual governo Lula.

Enganoso, para o Comprova, é o conteúdo retirado do contexto original e usado em outro de modo que seu significado sofra alterações; que usa dados imprecisos ou que induz a uma interpretação diferente da intenção de seu autor; conteúdo que confunde, com ou sem a intenção deliberada de causar dano.

Alcance da publicação: Até 8 de fevereiro, a publicação contava com 72,9 mil visualizações, 204 republicações e 1.316 curtidas.

Como verificamos: Uma pesquisa no Google foi realizada com os termos “pessoas não estão conseguindo comer no Brasil”, que resultou no vídeo postado pelo Poder360 no YouTube. Depois de ter acesso ao vídeo com o trecho que a cantora declara seu voto em Lula, também foram pesquisados os termos “Anitta declara voto em Lula”, que retornou notícias em diversos veículos de comunicação e postagens no X. Já as buscas por “Anitta critica Bolsonaro 2022” levaram à live em que a cantora fez as declarações, na íntegra, publicada pelo canal Vou Contar Tudo, em 12 de julho de 2022, dia em que o vídeo foi transmitido ao vivo.

Anitta não criticou governo Lula em live

O vídeo que passou a circular no X induz o internauta a acreditar que as declarações de Anitta foram feitas em 2024 e que ela se arrependeu de ter apoiado publicamente o presidente Lula nas eleições de 2022. Entretanto, o trecho em que ela faz as críticas foi tirado do contexto e pertence a uma live que a artista participou com o cantor Filipe Ret, em 12 de julho de 2022, que teve como tema principal uma parceria musical entre os dois. Na ocasião, eles abordaram outros assuntos, como as eleições presidenciais e, durante os comentários, a cantora criticou a gestão do então presidente Jair Bolsonaro, apontando a dificuldade da população em se alimentar e a postura do político em incentivar brigas entre eleitores.

Vídeo omitiu apoio de Anitta a Lula

Além de não mostrar a data do vídeo, o post omite o trecho em que a cantora declara apoio ao então candidato Lula. “É por isso que eu, que nunca cogitei votar no Lula, agora voto. Se eu quiser, faço outra tatuagem com o nome dele”, diz a cantora, logo após as falas que aparecem no vídeo verificado.

O que diz o responsável pela publicação: O responsável pelo perfil no X excluiu a publicação, após o início da verificação. O administrador não respondeu à tentativa de contato do Comprova.

O que podemos aprender com esta verificação: É importante verificar quando um vídeo de uma personalidade foi publicado e em qual contexto, assim como buscar o registro original nas páginas oficiais da personalidade em questão.

A ausência de marcadores temporais ou de nomes citados diretamente podem ser um alerta de que a postagem foi retirada de seu contexto original e manipulada a favor de quem está repostando o vídeo nas redes sociais.

Por que investigamos: O Comprova monitora conteúdos suspeitos publicados em redes sociais e aplicativos de mensagem sobre políticas públicas e eleições no âmbito federal e abre investigações para aquelas publicações que obtiveram maior alcance e engajamento. Você também pode sugerir verificações pelo WhatsApp +55 11 97045-4984.

Tópicos relacionados