Notícias

Acolhimentos da Prefeitura do Rio crescem 90% em 2022, diz levantamento

Segundo o Censo de População em Situação de Rua, realizado em 2020, cerca de 7.200 pessoas se encontravam nesta situação na capital

João Boueri* 17/05/2022 • 14:12 - Atualizado em 17/05/2022 • 14:31
Foto Site
Foto Site
Foto SIte

O número de acolhimentos realizados pela Prefeitura do Rio, para pessoas em situação de rua, teve aumento de mais de  90% nos primeiros quatro meses de 2022, na comparação com o mesmo período do ano passado. O levantamento foi realizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social. 

Segundo o Censo de População em Situação de Rua, realizado em 2020, cerca de 7.200 pessoas se encontravam nesta situação na capital fluminense.

Embora o estudo deste ano ainda não tenha sido realizado, a Prefeitura considera que o número é maior do que há dois anos atrás, em virtude da pandemia de Covid-19 e da crise econômica. 

Dentre as situações para permanência em situação de rua, a Secretaria Municipal de Assistência Social destaca que o desemprego e o uso de substâncias psicoativas são os principais motivos.

*Estagiário sob supervisão de Luanna Bernardes