BandNews FM Rio de Janeiro

Audiência sobre orçamento na UFF termina com acusações de agressões

Sindicato dos Trabalhadores em Educação da UFF afirma que o prédio da Reitoria foi ocupado em forma de protesto

Por Guilherme Faria (sob supervisão)

Audiência sobre orçamento na UFF termina com acusações de agressões
Divulgação

Uma audiência pública para debater o orçamento da Universidade Federal Fluminense terminou em confusão em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. O caso aconteceu na noite de terça-feira (18).

Em comunicado, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação da UFF afirmou que o prédio da Reitoria foi ocupado em forma de protesto após o reitor da instituição não comparecer ao encontro. Pelas redes sociais, o Diretório Central dos Estudantes da instituição informou que os participantes do movimento foram recebidos com truculência pelos seguranças do espaço.

Em nota, a UFF repudiou o que chamou de "graves episódios de violência e desrespeito" e disse que vai tomar as medidas legais para apurar e responsabilizar os envolvidos no caso.  

A universidade afirmou, também, que a Reitoria foi representada pelo Pró-Reitor de Planejamento, Julio Andrade de Abreu, na audiência de terça e que ele e os demais servidores teriam sido impedidos de deixar o auditório pelos estudantes, que exigiam a presença do reitor.  

Ainda em nota, a UFF afirmou que os "acontecimentos demonstram que as tentativas de diálogo chegaram a um ponto insustentável" e anunciou o cancelamento das audiências que estavam agendadas para discutir o orçamento da universidade.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais