BandNews FM Rio de Janeiro

Caminhão-tanque que explodiu em Vila Isabel tinha abastecido posto de gasolina

Ninguém ficou ferido, mas vidros de janelas de carros e imóveis quebraram com o impacto

Por João BoueriYasmin BachourGiovanna Faria

Caminhão-tanque que explodiu em Vila Isabel tinha abastecido posto de gasolina
Reprodução

Após a explosão de um caminhão-tanque na Rua Gonzaga Bastos, em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio, a Polícia Civil investiga se o cabeamento de energia na via estava na altura adequada. Segundo os investigadores, o veículo explodiu, porque acabou se chocando com um cabo pendurado e arrastando o fio, que energizou o compartimento de combustível.

O caminhão tinha acabado de abastecer um posto da região com combustível líquido. Ninguém ficou ferido, mas vidros de janelas de carros e imóveis quebraram com o impacto.

O episódio aconteceu na manhã desta sexta-feira (21). A câmera de segurança de um ímovel da região mostra o momento em que a parte traseira do caminhão explode repentinamente. A explosão foi ouvida de diferentes pontos da região da Grande Tijuca.

O veículo é da empresa Ademir Transportes, que presta serviço à Vibra, companhia de distribuição de combustíveis e lubrificantes.

Pelo menos três peças grandes do caminhão foram arremessadas ao chão pelo impacto. O episódio aconteceu quase na esquina da Boulevard 28 de Setembro, uma das vias mais movimentadas do bairro.

Um dos prédios da via foi totalmente impactado pela força da explosão. Os vidros da portaria estouraram, assim como as janelas de moradores. O advogado Giuseppe Luigi estava com a mãe de 88 anos em casa no momento do acidente. 

O motorista do primeiro carro atrás do caminhão que explodiu conversou com a reportagem de BandNews FM. O médico Guilherme Runco trabalha no Hospital Pedro Ernesto, que fica a poucos metros da Rua Gonzaga Bastos. Ele disse que não ficou ferido, mas que o vidro dianteiro do carro trincou com o impacto.

Em depoimento, um policial militar que foi acionado para a ocorrência disse que foi informado pelo motorista do caminhão, Alberto Alves, que ele estava trafegando com o veículo quando repentinamente ouviu a explosão. Ainda segundo o agente, o motorista não soube dizer como aconteceu a explosão. 

O porteiro Paulo Roberto foi um dos primeiros a perceber a explosão e socorreu duas idosas que chegaram a cair na calçada. Elas passam bem.

A designer Carla Niemeyer está em situação de rua e disse que nunca tinha ouvido um barulho parecido.

O quartel de Vila Isabel do Corpo de Bombeiros foi acionado. A Rua Gonzaga Bastos foi interditada na altura da Boulevard 28 de Setembro pela Prefeitura do Rio.

A perícia começou no fim da manhã.A empresa Ademir Transportes já iniciou os primeiros contatos com moradores da rua para avaliar cada situação.

Em nota, a Vibra disse que mobilizou a transportadora para que todas as providências de emergência sejam tomadas. A Petrobras acompanha o caso e está verificando junto à Vibra as medidas que estão sendo adotadas sobre o acidente. A estatal explicou que, apesar de ter a marca no caminhão, cujo uso a Vibra tem direito, a empresa responsável pelo veículo é a Vibra.

Procurada sobre a altura do cabeamento de energia na via, a Light não se posicionou.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais