Notícias

Caso Henry Borel: Justiça adia interrogatório com Jairinho

Ele será ouvido em nova data, 13 de junho, a pedido da defesa

Gabriela Souza 13/05/2022 • 17:47
Jairinho será ouvido em nova data
Jairinho será ouvido em nova data
Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Justiça do Rio adiou para o dia 13 de junho o interrogatório de Jairo Souza Santos Junior, o Jairinho, no processo sobre a morte do menino Henry Borel. Ele será ouvido em nova data a pedido da defesa, que citou decisão de habeas corpus da 7ª Câmara Criminal que autorizou e determinou a oitiva do perito assistente.

Já Monique Medeiros, mãe da criança, que também é ré, foi dispensada.

A defesa dela argumentou que a cliente já prestou esclarecimentos em interrogatório, com duração de 11 horas, em fevereiro deste ano, e que há uma preocupação com a integridade física dela após ameaçadas sofridas.