BandNews FM Rio de Janeiro

Cláudio Castro defende abordagem da PM contra adolescentes filhos de diplomatas

Segunto ele, o bairro é alvo de roubos frequentes que costumam ser realizados por jovens e os agentes não tinham como saber de quem ele eram filhos

Por Giovanna Faria

Cláudio Castro defende abordagem da PM contra adolescentes filhos de diplomatas
Divulgação

O governador do Rio, Cláudio Castro, afirmou que não vai crucificar os policiais que abordaram os filhos dos diplomatas do Canadá, Gabão e Burkina Faso, em Ipanema, Zona Sul do Rio. A declaração foi feita durante agenda nesta terça-feira (9). Segundo ele, o bairro é alvo de roubos frequentes que costumam ser realizados por jovens e os agentes não tinham como saber de quem ele eram filhos.

O caso aconteceu na semana passada. Os adolescentes que têm entre 13 e 14 anos, estavam voltando da praia quando foram abordados pelos PMS. Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que os agentes descem do carro e apontam os fuzis para os menores. Os familiares acusam a PM de conduta racista.

Para Castro, caso seja comprovado algum erro os policiais vão ser responsabilizados.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais