Notícias

Petrobras comunica oficialmente que Caio Paes de Andrade assume presidência

O mandato de Caio como presidente é válido até o dia 13/04/2023; a posição de conselheiro vai até a próxima Assembleia Geral de Acionistas, que ainda não tem data para acontecer

Andrezza Buzzani 28/06/2022 • 12:19 - Atualizado em 28/06/2022 • 12:20
Caio Paes de Andrade assume oficialmente presidência da Petrobras
Caio Paes de Andrade assume oficialmente presidência da Petrobras
Marcello Casal jr/Agência Brasil

A Petrobras comunica oficialmente ao mercado que Caio Mário Paes de Andrade assumiu a presidência da estatal nesta terça-feira (28). A posse foi feita sem cerimônia, em uma agenda interna na sede da companhia, no Rio de Janeiro.

O mandato de Caio como presidente é válido até o dia 13/04/2023. Já a posição de conselheiro vai até a próxima Assembleia Geral de Acionistas, que ainda não tem data para acontecer.

Acionistas minoritários e sindicatos ligados ao setor de petróleo e energia acionaram a Comissão de Valores Mobiliários contra a nomeação. Entidades ameaçam ainda ir à Justiça. Entre as alegações está justamente a ausência de realização da Assembleia Geral de Acionistas antes da deliberação do Conselho de Administração da estatal para a escolha dos conselheiros. A Petrobras comunica oficialmente ao mercado que Caio Mário Paes de Andrade assumiu a presidência da estatal nesta terça-feira (28). A posse foi feita sem cerimônia, em uma agenda interna na sede da companhia, no Rio de Janeiro.

O mandato de Caio como presidente é válido até o dia 13/04/2023. Já a posição de conselheiro vai até a próxima Assembleia Geral de Acionistas, que ainda não tem data para acontecer.

Acionistas minoritários e sindicatos ligados ao setor de petróleo e energia acionaram a Comissão de Valores Mobiliários contra a nomeação. Entidades ameaçam ainda ir à Justiça. Entre as alegações está justamente a ausência de realização da Assembleia Geral de Acionistas antes da deliberação do Conselho de Administração da estatal para a escolha dos conselheiros.