Ao vivo
Muito+: o cancelamento das turnês de Ivete Sangalo e Ludmilla

Nesta quarta-feira (15), o #Muito+ traz informações exclusivas sobre o cancelamento simultâneos das turnês de Ivete Sangalo e Ludmilla. As duas produções eram organizadas pela empresa 30e, do segmento do entretenimento.

As famosas comunicaram através das redes sociais que as turnês ‘A Festa’ e a ‘Ludmilla in the house’ foram canceladas. Agora, o que todos querem saber é: qual o motivo desse cancelamento?


O que disse a Ivete Sangalo? 

Em seus stories, a famosa confirmou que estava triste com toda essa situação, mas acredita nos pilares da sua vida: a transparência, a responsabilidade e o amor. 

A turnê da Ivete era uma comemoração aos seus 30 anos de carreira: “Embora os 30 anos sejam um sonho especial para mim e para vocês, isso não pode ser maior do que a segurança, o conforto para o público. E aí, onde me deparo com a decisão muito importante, tem que ser bom, especial, organizado e planejado da maneira que vocês merecem”.

Para Bruno Costa, que comanda o #Muito+, é compreensivo a tristeza da Ivete: “A gente sabe a importância desse show pra ela, afinal 30 anos de carreira, comemora. Aquele show histórico que ela fez no Maracanã que ela fez em dezembro do ano passado, para mais de 60 mil pessoas, foi considerado o show de abertura dessa turnê, onde ela anunciou que iria rodar o país, em mais de 30 estádios e agora acaba sendo cancelado”, disse. 

“É compreensivo né, o quanto a Ivete deve estar triste em relação a esse cancelamento. Porque 30 anos de carreira, a gente viu ali nesse show do Maracanã que ela estava preparando um super evento”, declarou Leonan Oliveira, jornalista convidado do programa.

O que disse a Ludmilla?

A Ludmilla também tranquilizou seus fãs e falou abertamente sobre o cancelamento. “Infelizmente, por coisas que fogem da minha mão, que fogem do meu controle, a gente não vai conseguir viabilizar a turnê”. 

“Guardem esse nome, no cantinho do coração de vocês, porque isso vai acontecer em algum momento, da maneira que sonhei e da maneira que vocês merecem”, disparou.

Durante o programa, Bruno pontou que “Tanto a Ivete, quanto a Ludmilla falaram sobre as condições necessárias para realizações do show”.

Leonan completou: “Acho legal a gente observar como os shows nacionais ganham uma estrutura gigantesca, até que a gente só via muito raramente em eventos internacionais […] Isso pra gente é incrível, ver um artista brasileiro tendo um palco tão grandioso e um show tão gigantesco quanto um artista internacional, mas isso acarreta várias outras questões que podem virar problemas, virar um obstáculo pra que esse evento seja construído, que é o que eu acho que aconteceu com a Ivete e a Ludmilla”, destacou. 

Quem é a produtora 30e?

A empresa chegou no Brasil em 2021 e já foi responsável pelas turnês dos Titãs e do Jão. Segundo o CEO da empresa, Pepeu Correa, o público está mais ligado às turnês após a pandemia. “Há algum tempo, detectamos uma crescente no interesse do público em relação às turnês de modo geral e a 30e foi muito feliz ao se propor a contar histórias e a produzir grandes espetáculos ao lado de artistas brasileiros”, disse ele durante entrevista ao Meio&Mensagem.  

Ao falar sobre o cancelamento das turnês, a produtora afirmou: “A produtora lamenta, mas respeita a decisão unilateral das artistas e esclarece que, em nenhum momento, avaliou o cancelamento das duas turnês”. 


Anitta não realiza shows em estádio 

A cantora Anitta é uma das celebridades cobradas por seus fãs por não realizar eventos em estádios. No ano passado, ela deu uma entrevista falando sobre o assunto. “Já falei para vocês que eu não tenho paciência com esse negócio de show em estádio, gente. Talvez eu faça unzinho. No Rio só tem uma opção, né? No Rio está babado para fazer evento. Só pode fazer show no Engenhão, no Maracanã não pode. Não tenho problema nenhum com o Engenhão, está, gente? Todos os eventos são lá, você quer fazer um diferencial e não dá. Só tem lá para fazer evento, mas outros lugares dá, né? Temos que fazer”, declarou a famosa. 

Para Bruno e Leonan, Ludmilla e Ivete não deixaram passar a oportunidade e vão reestruturar essa situação para que esses eventos comemorativos aconteçam. “Falta a gente se adaptar a realidade do Brasil”, disse o apresentador.