Duelo de Mães

Qual é o melhor peixe para fazer moqueca? Dalton Rangel responde

Garoupa, pescada-amarela e badejo são os preferidos do chef

Amanda Caroline e Fernanda Frozza 27/10/2021 • 17:30 - Atualizado em 10/12/2021 • 19:11

Prato típico da culinária brasileira e angolana, a moqueca é uma boa opção para um almoço em família, mas é comum surgir alguma dúvida no preparo, principalmente na hora de escolher o peixe. Para não errar nessa missão, aposte na garoupa, pescada-amarela e badejo. “Qualquer peixe de carne branca, tenra e fresca, de preferência. O peixe precisa estar muito fresco”, explica Dalton Rangel, chef do Duelo de Mães.

Para ter certeza sobre a qualidade do ingrediente, fique de olho em alguns sinais. O peixe precisa estar com olhos translúcidos e guelras vermelhinhas - nunca acinzentadas. Além disso, não pode ter cheiro forte e muito menos formar um buraco quando você tocar. A carne precisa estar firme.

Já se preferir uma opção vegetariana, a pedida é a banana-da-terra, mas nunca a madura. Opte pelo fruto ainda verde, para que fique com uma textura mais parecida com a do peixe e componha bem a refeição.

Independentemente do protagonista do seu prato, nunca abra mão de uma panela de barro para prepará-lo. Ela garante um sabor especial, assim como os acompanhamentos que completam a receita. Arroz branco soltinho, farofa com dendê e vinagrete apimentado são as indicações do chef.

Quantidade ideal
 

Para saber se não vai faltar ou sobrar moqueca, um cálculo pode te ajudar. “Sempre gosto de colocar, independentemente da produção, 150 g de proteína por pessoa. Se você for considerar o pimentão, a cebola, o arroz, o caldo, a farofa, no final você vai bater uns 400 g e isso é o suficiente”, aponta Rangel. Agora ficou mais fácil, né? Bom apetite!

Band Novela no Youtube