Faustão na Band

Seu Jorge elogia direção de Lázaro Ramos em Medida Provisória: "Olhar preciso"

Estreando como cineasta, Lázaro Ramos participou da Pizzaria do Faustão desta segunda-feira (18)

Da Redação 18/04/2022 • 21:24
Seu Jorge vive André no filme Medida Provisória, primeiro dirigido por Lázaro Ramos
Seu Jorge vive André no filme Medida Provisória, primeiro dirigido por Lázaro Ramos
Divulgação

O primeiro filme dirigido por Lázaro Ramos, "Medida Provisória", estreou nos cinemas de todo o Brasil na última quinta-feira (14). Na Pizzaria do Faustão desta segunda (18), Seu Jorge, um dos protagonistas do longa, enviou um recado elogiando e agradecendo a parceria com Lázaro nas telonas.

O filme conta a história de um futuro distópico no Brasil, em que o governo ordena que todos os cidadãos negros fossem enviados para países da África. Na trama, Seu Jorge dá vida a André, um jornalista que resiste ao autoritarismo e inspira uma multidão.  

Mesmo com o enredo dramático do filme, Seu Jorge teve trazer uma pitada de humor para compor o personagem, e disse que o diretor Lázaro Ramos teve papel fundamental nesse processo.

"Eu tive o privilégio de ser dirigido por ele, numa área muito complicada pra mim. O André é um personagem com um componente que eu nunca havia experimentado, e eu só cheguei neles por causa do olhar aguçado e preciso do Lázaro", disse.

Além de Seu Jorge, Taís Araújo e Alfred Enoch protagonizam a produção, que ainda conta com um elenco estelar: Renata Sorrah, Adriana Esteves, Mariana Xavier, Flavio Bauraqui, Pablo Sanábio e Emicida, entre outros.

Premiado em festivais nacionais e estrangeiros, "Medida Provisória" coleciona críticas positivas e mostra mais um talento de Lázaro Ramos, que além de ator, autor de livros infantis, diretor teatral e apresentador de TV, agora é cineasta.

Seu Jorge gostou tando do trabalho com Lázaro que já quer repetir a dose: "Foi muito maravilhoso trabalhar com Lázaro. Um homem de um fino toque, delicado para pedir as coisas, eu adorei a experiência. Espero que a vida nos permita o encontro do set outras vezes". concluiu.