Masterchef

O que é a torta Saint Honoré, clássico da confeitaria francesa?

Cozinheiros amadores terão de preparar a torta e conquistar o paladar de Fafá de Belém

Da Redação 19/10/2021 • 11:09
Torta Saint Honoré, clássico da confeitaria francesa
Torta Saint Honoré, clássico da confeitaria francesa
Carlos Reinis/Band

O MasterChef Brasil traz nesta terça-feira, 19, mais um clássico da culinária francesa para desafiar os cozinheiros amadores que continuam na disputa pelo troféu da oitava temporada. Desta vez, eles terão de preparar uma torta Saint Honoré.

A sobremesa de massa folhada com creme, carolinas e caramelo vai exigir que os competidores honrem a sua origem. De acordo com o livro História da Confeitaria no Mundo, de Angelo Sabatino Perrela e Myrian Castanheira Perrela, a torta Saint Honoré foi criada em 1846, pelo confeiteiro Chiboust.

Ele desenvolveu um creme - batizado com seu próprio nome - para rechear uma torta que ele mesmo inventou para vender na confeitaria Place de La Bourse, que era localizada na Rua Saint Honoré, em Paris.

Daí vem o nome da torta, que também é uma homenagem ao Santo Padroeiro dos padeiros e confeiteiros franceses. É uma receita relativamente simples, mas com um longo tempo de preparação. 

A diferença da Saint Honoré para outros doces clássicos está na base, feita de massa folhada crocante. O recheio é um creme chiboust, derivado do creme de confeiteiro, e pode ser aromatizado com baunilha, raspas de laranja ou um licor de sua preferência.