Melhor da Tarde

Batoré fala sobre polêmica com Antônia Fontenelle: “Rapariga em Portugal é moça”

Atriz pede R$ 110 mil de indenização após fala do ator sobre ela

Da Redação 06/05/2021 • 16:16 - Atualizado em 06/05/2021 • 18:14

O ator Ivanildo Nogueira, mais conhecido como Batoré, falou ao Melhor da Tarde desta quinta-feira, 6, sobre a polêmica envolvendo Antonia Fontelle. Tudo começou quando a atriz, ao comentar a agressão sofrida por Henri Castelli em dezembro do ano passado, disse para os turistas terem cuidado ao irem para Alagoas devido a uma suposta falta de segurança.

Ivan não gostou da maneira que a apresentadora se posicionou e a criticou no YouTube. “No Nordeste, safado é safado, político corrupto é político corrupto, político decente é político decente e rapariga é rapariga. Não é como São Paulo e Rio de Janeiro que qualquer rapariga faz um blog e sai dando uma de jornalista. Foi isso que eu falei. E rapariga em Portugal é moça”, explicou.

De acordo com o humorista, os comentários foram “chumbo trocado”. “Ela é muito insignificante pra falar do Nordeste. Ela não tem esse direito. Eu em senti extremamente ofendido e eu saí em defesa e sairia novamente. Agora ela pedir R$ 110 mil eu acho que é melhor ela trabalhar, porque eu não vou ter isso e ela não merece isso”, completou.

O comediante ainda declarou que a apresentadora Antonia Fontenelle não teria nenhum espaço na mídia se o ex-marido dela, o diretor Marcos Paulo (1951-2012), não tivesse morrido. “Foi isso que deixou ela brava”, comentou Catia Fonseca. “Mas ela não seria ninguém hoje se o Marcos Paulo estivesse vivo. Ela não seria ninguém hoje”, disse Ivan.

  • Melhor da Tarde