Melhor da Tarde

Ricardo Costta, ex-Polegar, revela que está com contas atrasadas e passa por dificuldades

Baterista atualmente trabalha em um trailer vendendo lanches em Taubaté, interior de São Paulo

Da Redação, com Melhor da Tarde 12/05/2021 • 16:24 - Atualizado em 12/05/2021 • 17:44

Ricardo Costta, ex-baterista do grupo Polegar, relatou no Melhor da Tarde desta quarta-feira, 12, que está passando por problemas financeiros por conta da pandemia. Depois do sucesso da banda, ele se formou em Gastronomia e teve um restaurante, mas as regras de isolamento social o deixaram em dificuldade. 

“Com a pandemia, a situação piorou muito. Eu vendi o meu ônibus-lanchonete, fiquei com esse trailer, estou com contas atrasadas – assim como milhões de brasileiros, não sou o único. Não estou aqui me fazendo de vítima, nem de coitado. Queria ter condições de ajudar as pessoas a passarem por isso”, disse Costta. 

Atualmente, ele vende lanches em um trailer em Taubaté, interior de São Paulo. Por conta da pandemia, ele vende de 4 a 6 sanduíches por dia e não consegue pagar as próprias contas. Costta quer ajuda para divulgar o próprio trailer, para aumentar as vendas e ver se consegue vender um Jeep para fazer dinheiro.  

Além de ser formado em Gastronomia, ele também cursou Direito. “Mas não passei duas vezes na OAB”, lamentou. O músico também teve baladas e restaurante, ganhou e perdeu dinheiro vária vezes, sempre entre altos e baixos. 

Ricardo Costta tem filhos com diferentes mulheres e já foi preso por falta de pagamento de pensão. Atualmente, está com o aluguel atrasado, além de não pagar contas de água e de luz. Já pediu ajuda no Facebook e, às vezes, consegue ajuda de alguns fãs. 

O músico cursou Gastronomia por sugestão de Gugu Libero, que sempre o apoiou, inclusive financeiramente. O restaurante dado pelo apresentador funcionou por cerca de três anos, em Mogi das Cruzes. Depois, ele tentou virar personal chef, fazendo tortas e pudim por encomenda.  

  • melhor da tarde
  • ricardo costta
  • contas atrasadas
  • dificuldades