Notícias

Preparar alimentos com água da torneira faz mal? Especialista responde

Stefani Sousa 22/02/2021 • 14:21 - Atualizado em 23/02/2021 • 22:12
Entenda os riscos de usar água da torneira para cozinhar
Entenda os riscos de usar água da torneira para cozinhar
Reprodução/Pixabay

Ferver a água antes de colocar no arroz é mesmo necessário ou um excesso de cuidado? E no preparo do café, é ok usar água da torneira? No último episódio de Pesadelo na Cozinha, reprisado pela Band na terça-feira, 16,Erick Jacquin levantou esta polêmica após provar um suco feito com água não filtrada, perceber diferença no sabor e criticar a equipe do restaurante. Mas afinal, por que é tão ruim usar água da torneira no preparo de alimentos?

Sua água pode estar contaminada 
Tratar a água e entregar um produto confiável e pronto para o uso é de responsabilidade das empresas de saneamento básico. Nada garante, no entanto, que a água continuará adequada para o consumo depois de passar pelo encanamento e ficar parada na caixa. É o que explica Mônica Glória N. Spinelli, professora de nutrição da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em entrevista ao Portal da Band

“Quando na caixa, não conseguimos saber a que tipo de material a água estará exposta. Se o recipiente não estiver limpo ou tampado, por exemplo, pode ocorrer a entrada de insetos, pássaros e camundongos. Em geral, a orientação é que a limpeza da caixa aconteça a cada seis meses”, aconselha.

O que fazer? 
Quando contaminada, a água pode conter metais pesados, vírus e bactérias que são absorvidas pelos alimentos e levadas ao organismo humano, se transformando em um potente causador de doenças e que pode provocar desde diarreia a cólera. Para evitar este tipo de problema, é preciso intensificar os cuidados em casa ou no restaurante. 

De acordo com a especialista, quando o alimento for para a cocção, a água da torneira pode ser utilizada já que, durante o processo, qualquer contaminação é eliminada. Já para produtos consumidos crus, como sucos, o melhor é sempre usar água filtrada. Com folhas e legumes, o procedimento correto é lavar item por item e depois colocar em material sanitizante. Para o enxague, a água do filtro é determinante para não contaminar novamente um produto que acabou de ser limpo. 

  • Água