ZECA PELO BRASIL - EPISÓDIO 21/01

Zeca embarca em um roteiro de fé pelo interior do Rio Grande do Norte. Em Santa Cruz, ele se impressiona com a estátua de Santa Rita de Cássia e seus imponentes 56 metros de altura. É a maior imagem católica do mundo. Para se ter uma ideia, o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, bate na cintura da santa. De lá, o apresentador visita uma loja de artesanato que mostra como as criações de artistas locais estão impregnadas pelo imaginário religioso. Depois a escala é em São Gonçalo do Amarante. Zeca conhece o Monumento aos Mártires de Cunhaú e Uruaçu, que homenageia os cerca de 150 católicos mortos por invasores holandeses em dois massacres ocorridos em 1645. Trinta deles foram canonizados pelo Papa Francisco em 2017, incluindo o camponês Mateus Moreira, que, segundo relatos da época, teve o coração arrancado pelas costas por seus algozes. Zeca ainda assiste à apresentação do Boi Calemba Pintadinho, formação centenária cujas encenações misturam música, dança e intrigas amorosas. A atração é encerrada diante de um pôr do sol cinematográfico em Serra de São Bento, quase na divisa com a Paraíba. Na Pedra do Sapo, a despedida teve comidinhas de montanha, o padre sanfoneiro Caio Cavalcanti e o som de Pedro Mendes, cantor e compositor que lançou em 1987 uma música que se tornaria uma espécie de hino afetivo de Natal, “Linda Baby”.