Blog Grid
Notícias

Da Fórmula 3 à Fórmula 1, as estreias e as reestreias nos calendários de 2022

Emanuel Colombari 15/10/2021 • 18:57
Imagem: F1/Twitter
Imagem: F1/Twitter

A sexta-feira (15) foi agitada para os fãs do automobilismo - não só para quem curte Fórmula 1, mas também para os apaixonados por categorias de formação, como a Fórmula 2 e a Fórmula 3. Afinal, as três categorias anunciaram seus calendários para a temporada 2022, cheios de novidades.

A F1 terá 23 etapas, um recorde nos mais de 70 anos da categoria. Em 14 delas, a programação do fim de semana terá o apoio da Fórmula 2. Ao todo, nove finais de semana reunirão as três categorias, sempre na Europa ou na Ásia.

Leia também:

Algumas peculiaridades merecem ser observadas. A China vai para seu terceiro ano seguido fora do calendário, mas a Fórmula 1 não esconde que conta com a etapa para os próximos anos – enquanto isso, Ímola ocupa a vaga em 2022.

O Qatar, que recebe seu primeiro GP já em 2021, ficará fora em 2022 e só retorna em 2023. O Vietnã, que estaria no calendário em 2020, sumiu da agenda.

Por essas e outras, vale a pena um olhar mais atento ao calendário completo para saber o que é novidade, o que está de volta, o que corre o risco de ficar fora e tudo mais. Não só para esmiuçar a temporada da F1, mas também para entender como isso impacta a F2 e a F3.

Fórmula 2: de volta às rodadas duplas

O calendário da Fórmula 2 tem algumas novidades. Além de incluir Ímola e Zandvoort na temporada, a categoria ainda volta a correr em Barcelona, Spielberg, Hungaroring e Spa-Francorchamps – as quatros etapas foram realizadas pela última vez em 2020, ficando de foram em 2021.

Mas não é só isso. Em 2022, a F-2 terá 14 etapas, contra 8 de 2021 e 12 de 2020. Cada etapa volta a ter duas corridas (Sprint e feature), a exemplo do que aconteceu até 2020 – em 2021, para cortar custos, a FIA colocou três corridas em cada etapa. Assim, a temporada 2022 terá 28 corridas, contra 24 de 2021.

Imagem: Divulgação

Fórmula 3: calendário enxuto

Em 2022, a categoria também deixa de adotar rodadas triplas em cada etapa para realizar rodadas duplas. Com nove etapas, terá 18 corridas no ano.

Sakhir e Ímola são as novidades da F-3, mas a prova da Emilia-Romagna corre o risco de ficar fora por questões de contrato – mesma situação de Barcelona.

Imagem: Divulgação

Fórmula 1, etapa a etapa

Sem mais delongas, vamos então entender cada etapa da temporada 2022 da Fórmula 1. Quais pistas retornam, quais etapas recebem também a F2 e a F3, onde as categorias de formação correm pela primeira vez e por aí vai.

Confira:

18 a 20 de março: Sakhir (Bahrein)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

Já presente na F1 e na F2, a etapa do Bahrein estreará na F3, abrindo a temporada. É o único final de semana fora da Europa recebendo as três categorias.

25 a 27 de março: Jedá (Arábia Saudita)

Categorias: Fórmula 1 e Fórmula 2

Receberá a F1 e a F2, a exemplo do que já acontece em 2020.

8 a 10 de abril: Melbourne (Austrália)

Categorias: Fórmula 1

O Albert Park foi um dos palcos mais impactados pela pandemia da Covid-19. Em 2020, o GP da Austrália foi cancelado em cima da hora, e a corrida seguiu fora do calendário em 2021. A última edição foi em 2019 e teve vitória de Valtteri Bottas, da Mercedes.

22 a 24 de abril: Ímola (Emilia Romagna)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

Ímola estreará tanto na Fórmula 2 quanto na Fórmula 3. Mas a presença da pista na F1 e nas categorias de apoio ainda carece do contrato. A princípio, está confirmada.

6 a 8 de maio: Miami (EUA)

Categorias: Fórmula 1

O circuito na Flórida foi anunciado, mas ainda depende da homologação da FIA para receber a F1.

20 a 22 de maio: Barcelona (Espanha)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

Mais um entrave burocrático: o Circuito de Barcelona depende do contrato para se garantir nas três categorias.

27 a 29 de maio: Monte Carlo (Mônaco)

Categorias: Fórmula 1 e Fórmula 2

Sem surpresas, o circuito monegasco está confirmado na F1 e na F2. A novidade é que os treinos livres da F1, tradicionalmente às quintas-feiras no principado, passam a ser realizados às sextas-feiras.

10 a 12 de junho: Baku (Azerbaijão)

Categorias: Fórmula 1 e Fórmula 2

Ficou fora das disputas em 2020, mas voltou em 2021.

17 a 19 de junho: Montreal (Canadá)

Categorias: Fórmula 1

A etapa em Montreal volta após dois anos fora por causa da pandemia.

1 a 3 de julho: Silverstone (Reino Unido)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

A Fórmula 3 volta a Silverstone, depois de ficar foram em 2021. Em 2020, foram duas rodadas no circuito.

8 a 10 de julho: Red Bull Ring (Áustria)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

O Red Bull Ring volta à F2 após um ano de ausência.

22 a 24 de julho: Paul Ricard (França)

Categorias: Fórmula 1

O traçado em Le Castellet recebeu a Fórmula 3 em 2021 e ficou fora dos calendários das categorias de formação para 2022. Mas não será surpresa se pintar para substituir alguma etapa cancelada.

29 a 31 de julho: Hungaroring (Hungria)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

Mais uma etapa que volta à Fórmula 2 após um ano de ausência.

26 a 28 de agosto: Spa-Francorchamps (Bélgica)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3.

Mesmo caso de Espanha, Áustria e Hungria: volta à F2 após uma temporada fora.

2 a 4 de setembro: Zandvoort (Holanda)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

Na Fórmula 3, o circuito estrearia em 2020, mas só apareceu no calendário em 2021. Na próxima temporada, é a vez de estrear na Fórmula 2.

9 a 11 de setembro: Monza (Itália)

Categorias: Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3

Encerra a temporada da Fórmula 3 em 2022.

23 a 25 de setembro: Sochi (Rússia)

Categorias: Fórmula 1 e Fórmula 2

Deve se despedir da Fórmula 1 – e, consequentemente, da Fórmula 2. A partir de 2023, o Grande Prêmio da Rússia será disputado no circuito de Igora Drive, nos arredores de São Petersburgo.

30 de setembro a 2 de outubro: Marina Bay (Singapura)

Categorias: Fórmula 1

Volta à Fórmula 1 após duas temporadas de fora, mas é mais uma prova que carece da confirmação do contrato.

7 a 9 de outubro: Suzuka (Japão)

Categorias: Fórmula 1

Fora do calendário em 2020 e 2021 por causa da pandemia da Covid-19, Suzuka está de volta.

21 a 23 de outubro: Austin (EUA)

Categorias: Fórmula 1

O Cota receberia a F3 em 2021, mas foi substituída por Sochi por questões logísticas. No ano que vem, apenas a etapa da F1 está agendada.

38 a 30 de outubro: Hermanos Rodríguez (México)

Categorias: Fórmula 1

Ficou fora do calendário da F1 em 2020, mas já volta em 2021 e está confirmado para 2022.

11 a 13 de novembro: Interlagos (São Paulo, Brasil)

Categorias: Fórmula 1

Mais uma etapa que ficou fora da Fórmula 1 em 2020, volta em 2021 e marca presença em 2022.

18 a 20 de novembro: Yas Marina (Abu Dhabi, EAU)

Categorias: Fórmula 1 e Fórmula 2

Encerrando as temporadas das duas categorias.

Imagem: Divulgação

Imagem de abertura: F1/Twitter

Emanuel Colombari

Emanuel Colombari é jornalista com experiência em redações desde 2006, com passagens por Gazeta Esportiva, Agora São Paulo, Terra e UOL. Já cobriu kart, Fórmula 3, GT3, Dakar, Sertões, Indy, Stock Car e Fórmula 1. Aqui, compartilha um olhar diferente sobre o que rola na F-1.