Fórmula 1

CEO da Volkswagen revela entrada da marca alemã na F1 por meio de Audi e Porsche

Entrada das duas marcas do grupo não serão em forma de equipes próprias, mas em parcerias com escuderias existentes

Da redação 02/05/2022 • 12:04 - Atualizado em 02/05/2022 • 13:45
Porsche e Audi entrarão na F1
Porsche e Audi entrarão na F1
Reuters

Em uma live realizada na manhã desta segunda-feira, o CEO da Volkswagen confirmou a entrada da empresa alemã na F1 através das submarcas Audi e Porsche nos próximos anos. 

Segundo Herbert Diess, a decisão foi tomada pela crença de que o ingresso na F1 trará mais lucros do que despesas, já que a categoria experimenta grande popularidade atualmente. 

Contudo, para evitar que seja necessário um investimento estratosférico, a entrada das duas marcas na F1 não deverá ser feita com equipes próprias, mas em forma de parcerias com escuderias já existentes. Nesse caso, Audi com McLaren e, Porsche, com Red Bull. Ainda não está claro como funcionarão essas parcerias. 

O interesse já existente do grupo Volkswagen ficou maior após ficar decidido que a nova geração de motores da F1, programados para entrarem em ação em 2026, terão ainda mais força gerada por motores elétricos. 

Fim de semana tem GP de Miami