Fórmula 1

F4 Brasil: guia completo da nova categoria de base do automobilismo nacional

Categoria certificada pela FIA servirá de transição do kart para monopostos na jornada rumo à F1; estreia será neste fim de semana com transmissão do BandSports

Da redação 13/05/2022 • 15:35 - Atualizado em 13/05/2022 • 15:58
Gianluca Petecof guia carro da F4 em SP
Gianluca Petecof guia carro da F4 em SP
F4 Brasil

A Fórmula 4 Brasil, nova categoria de base do automobilismo nacional, faz sua estreia neste fim de semana no circuito do Velocitta, em Mogi Guaçi, SP.

O BandSports exibe a rodada tripla: no sábado, corridas 1 e 2 às 9h40 e 14h40, respectivamente. No domingo a corrida 3, às 12h05.

A categoria, certificada pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA), chega para suprir uma carência no Brasil, que é o passo seguinte aos pilotos que saem do kart, mas que hoje são obrigados a irem para Europa, Estados Unidos e outros países para adquirir experiência na jornada rumo à F1.

A F4 Brasil será organizada pela Vicar, a mesma empresa que hoje promove a Stock Car. Por isso, o novo campeonato de monopostos correrá nos mesmos circuitos e datas que a Stock.

O grid do primeiro ano contará com quatro equipes. Cada uma delas terá quatro pilotos, com um total de 16 competidores disputando o título. 

A primeira turma de piloto conta com sobrenomes conhecidos no automobilismo brasileiro, como Fernando Barichello, o Fefo, filho de Rubens Barrichello; Nicolas Giaffone, filho do piloto e comentarista da Band, Felipe Giaffone; Aurélia Nobels se destaca por ser a única representante do sexo feminino no grid.

Confira o grid completo:

CAVALEIRO SPORTS
Felipe Barrichello Bartz, João Tesser, Nicolas Giaffone, Vinícius Tessaro

KTF SPORTS
Álvaro Yoon Cho, Luan Lopes, Richard Annunziata, Victor Backes

FULL TIME SPORTS
Fernando Barrichello, Nelson Neto, Pedro Clerot, Ricardo Gracia

TMG RACING
Aurélia Nobels, Lucas Staico, Lucca Zucchini, Nicholas Monteiro

A primeira temporada da F4 Brasil será composta por seis etapas.

Calendário da temporada 2022

15/05 – Velocitta (Mogi Guaçu, SP)
31/07 – Interlagos
04/09 – Local e data definir
25/09 – Velocitta (Mogi Guaçu, SP)
23/10 – Goiânia
20/11 – Brasília

Cada etapa será formada por três corridas.

 

Formato do fim de semana

  • Sexta-feira: dois treinos livres (40 minutos cada) e classificação (20 minutos)
  • Sábado: Corrida 1 (25 minutos + 1 volta); Corrida 2 (18 minutos + 1 volta)
  • Domingo: Corrida 3 (25 minutos + 1 volta)

Largada: parada (padrão Fórmula 1, Fórmula 2 e Fórmula 3)

Definição do grid de largada

Corrida 1: Valerá a segunda volta mais rápida obtida no treino classificatório.

Prova 2: Inversão dos 8 primeiros colocados da Corrida 1 e manutenção das posições de chegada do nono colocado em diante.

Corrida 3: Valerá a volta mais rápida obtida no treino classificatório.

 

Pontuação

Corridas 1 e 3 (25 minutos + 1 volta)

Padrão Fórmula 1

  • 1º - 25 pontos
  • 2º - 18
  • 3º - 15
  • 4º - 12
  • 5º - 10
  • 6º - 8
  • 7º - 6
  • 8º - 4
  • 9º - 2
  • 10º - 1

Corrida 2 (18 minutos + 1 volta)

  • 1º - 15 pontos
  • 2º - 12
  • 3º - 10
  • 4º - 8
  • 5º - 6
  • 6º - 4
  • 7º - 2
  • 8º - 1

Bônus:

  • Volta mais rápida de cada uma das corridas: 1 ponto
  • Volta mais rápida na classificação: 2 pontos

Conheça o carro usado na F4

Chassi: Tatuus F4 T-021, produzido na Itália

Motor: Abarth-Autotecnica (Itália), 4 cilindros em linha, 1.3l, turboalimentado, potência de 176cv a 5.500rpm e torque de 250 Nm a 4.000 rpm