Fórmula 1

Strike: Bottas bate em Norris, que bate em Verstappen na largada na Hungria

Finlandês da Mercedes protagonizou confusão no início da corrida; assista!

Da Redação 01/08/2021 • 10:42 - Atualizado em 24/08/2021 • 08:45
Bottas protagonizou confusão na largada na Hungria
Bottas protagonizou confusão na largada na Hungria
Divulgação/Fórmula 1.com

Foi um strike e a pista do GP da Hungria virou boliche. Assim o narrador Sérgio Maurício definiu uma confusão protagonizada por Valtteri Bottas que marcou a largada do Grande Prêmio da Hungria de Fórmula 1, neste domingo, 01. 

Ao lado de Hamilton na primeira fila, Bottas perdeu quatro posições e carimbou a traseira de Lando Norris ao tentar ultrapassá-lo na primeira volta. O inglês da McLaren, por sua vez, atingiu Max Verstappen, da Red Bull. 

E não parou por aí: o finlandês ainda atingiria a outra Red Bull, de Sergio Pérez. Mais atrás, Lance Stroll (Aston Martin) não conseguiu frear e acertou Charles Leclerc (Ferrari), que acertou Daniel Ricciardo (Mclaren). Lá na frente, o pole Lewis Hamilton, tranquilo, escapou ileso do caos.

O saldo da largada foi o abandono de cinco pilotos: Bottas, Pérez, Leclerc, Stroll e Norris. Verstappen conseguiu continuar, mas despencou para a décima-terceira colocação. Depois de apenas duas voltas, a prova foi interrompida com bandeira vermelha para retirada de detritos da pista.

“O carro destracionou na saída, perdi o momento e depois travei as rodas na curva 1. Com certeza é minha culpa. Tirei muita gente da corrida, incluindo eu mesmo. Já pedi desculpas ao Lando”, disse Bottas para a repórter Mariana Becker. 

A corrida foi emocionante até o fim. Hamilton não aproveitou a confusão, relargou sozinho na pista com pneus intermediários (os rivais pararam para colocar os de pista seca) e despencou no grid. Ele conseguiu se recuperar e terminou em terceiro. 

Esteban Ocon, da Alpine, venceu pela primeira vez na carreira, com Sebastian Vettel, da Aston Martin em segundo. Verstappen só ficou em décimo e perdeu a primeira colocação no Mundial para Hamilton, que agora tem seis pontos de vantagem. Confira aqui a classificação atualizada!

Contudo, o tetracampeão Sebastian Vettel perdeu o 2º lugar após inspeção no carro, em que foi detectado que o tanque de combustível tinha apenas 300 ml. Segundo regulamento técnico, é necessário pelo menos 1L de gasolina para a análise. Com isso, Lewis Hamilton e Carlos Sainz completaram o pódio oficial do GP da Hungria.

  • fórmula 1
  • band
  • valtteri bottas
  • lewis hamilton