Fórmula 1

Voluntário do GP de SP "congelou" ao ver Hamilton pedindo a bandeira do Brasil

Quando levaram a bandeira brasileira, Fábio Rezende e Matheus Servello nem imaginavam que fariam história na Fórmula 1

Nivaldo de Cillo 15/11/2021 • 20:53 - Atualizado em 15/11/2021 • 21:02

Entre pilotos, mecânicos e celebridades que estiveram no Grande Prêmio São Paulo, dois voluntários foram protagonistas neste domingo. Fábio Rezende e Matheus Servello foram responsáveis diretos por uma cena que já está na história da Fórmula 1: entregaram a bandeira brasileira ao piloto Lewis Hamilton, que reproduziu a lendária comemoração de Ayrton Senna em Interlagos.

“Para comemorar o fato de estarmos aqui, trabalhando no GP, a equipe de resgate sempre tira uma foto segurando a bandeira do Brasil. Antes da corrida começar, durante o desfile dos pilotos no caminhão, acenamos com a bandeira para o Hamilton”, lembra Rezende.

Ainda dentro do carro, saboreando a vitória, Hamilton passou pelo ponto onde estavam os dois voluntários, reduziu a velocidade e acenou, pedindo a bandeira. 

A surpresa de Rezende e Servello foi tão grande quanto o desempenho do piloto da Mercedes em Interlagos.

“Levantamos a bandeira quando ele passou. Não sei que olho o Hamilton tem, porque estava distante, mas ele viu e aproximou o carro”, conta Rezende.

“Ele apontava para a bandeira e pedia. Não levamos da primeira vez, daí ele acenou de forma mais incisiva. Eu corri e entreguei”, relembra Servello, que tomou a iniciativa de levar a bandeira ao perceber o amigo imóvel, congelado diante da cena que foi vista em todo o planeta. 

“Se ele está pedindo, eu vou levar”, brincou Servello.

Lá foi o britânico para o delírio de 70 mil pessoas em Interlagos, para repetir uma marca do nosso Ayrton Senna e emocionar o mundo da Fórmula 1. O piloto foi multado por ter tirado o cinto de segurança para pegar a bandeira.

Largando em 10º, o inglês ganhou nove posições nas primeiras voltas e, já na parte final da prova, ultrapassou o holandês Max Verstappen, da Red Bull, para cruzar a linha de chegada em primeiro. Depois disso, Hamilton apanhou uma bandeira do Brasil ainda na pista e dela não se desfez tão cedo, levando a torcida presentes nas arquibancadas do Autódromo de Interlagos ao delírio.

Com a vitória, Hamilton encurtou a distância para Verstappen na disputa pelo título da temporada. O inglês, vice-líder, tem agora 318,5 pontos, enquanto o holandês, ainda na ponta, soma 332,5.