Esportes

Claus errou ao expulsar Rodinei? Para Godói, velocidade do vídeo interfere na decisão

Da Redação, com Os Donos da Bola 22/02/2021 • 13:36
Godói analisa lance da expulsão de Rodinei
Godói analisa lance da expulsão de Rodinei
Reprodução/Os Donos da Bola

O ex-árbitro Oscar Roberto Godói analisou, no Os Donos da Bola desta segunda-feira, 22, o lance mais polêmico do fim de semana: a expulsão de Rodinei, do Inter, no duelo com o Flamengo no último domingo, 21. O Rubro-Negro venceu por 2 a 1 e assumiu a liderança do Brasileirão faltando apenas uma rodada para o fim.

Para Godói, a velocidade do vídeo do VAR influenciou na decisão tomada pelo árbitro de campo, Raphael Claus. No lance, o juiz nada marcou, mas foi chamado à cabine e, após ver o vídeo, decidiu mostrar o cartão vermelho por uma entrada em Filipe Luís.

“[Claus] Não pode ser crucificado. A imagem deu condições de interpretar assim [pela expulsão]. Ele não deveria ter visto em câmera lenta, mas na velocidade real”, afirmou Godói.

“Na velocidade normal, lance normal, de no máximo falta ou nem falta”, declarou o ex-árbitro. “Ele poderia voltar e dar amarelo”, completou.

“Se você olhar a imagem lenta, não tem como não expulsar. Dá a impressão que o Rodinei vai só no tornozelo do adversário”, concluiu.

Para Godói, Rodinei estava olhando somente a bola, chega atrasado e acaba fazendo a falta em Filipe Luís. “Na câmera lenta, [o lance] é muito forte, por isso acabou expulsando”, disse.

“Se ele não pune e o Inter ganha, o Flamengo estaria falando o que o Inter está falando hoje”, afirmou, sobre as reclamações do Colorado.

Assista:

  • Flamengo
  • Inter