Esportes

Flamengo confirma saída de Renato Gaúcho

Treinador sofria com a pressão da torcida rubro-negra

Da Redação 29/11/2021 • 14:20 - Atualizado em 29/11/2021 • 14:31
Renato Gaúcho no seu último jogo pelo Flamengo, na final da Libertadores
Renato Gaúcho no seu último jogo pelo Flamengo, na final da Libertadores
Flamengo

Renato Gaúcho não é mais o treinador do Flamengo. A diretoria anunciou a decisão através das redes sociais na tarde desta segunda, 29.

A diretoria sofria pressão da torcida para demitir o treinador após o clube ter perdido o título da Libertadores para o Palmeiras no último sábado, 27.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal”, disse o clube em comunicado nas redes sociais.

Renato assumiu a equipe carioca em julho e comandou o Flamengo em 37 partidas, sendo 24 vitórias, 8 empates e 5 derrotas.

Após um início avassalador, com vitórias consecutivas e goleadas, Renato Gaúcho passou a ser questionado por ver as chances de título no Campeonato Brasileiro se tornarem mínimas e a eliminação para o Athletico Paranaense na Copa do Brasil, em pleno Maracanã.

Com o vice-campeonato da Libertadores, o treinador foi apontado como o culpado pela torcida pela derrota para o Palmeiras por 2 a 1, na prorrogação.

O Flamengo volta a campo na terça-feira, 30, contra o Ceará, pelo Campeonato Brasileiro. Maurício Souza, assistente técnico do clube, comanda a equipe de forma interina.