Esportes

Gustavo Scarpa: "O Palmeiras poderia ter vencido nos 90 minutos"

Gol que definiu o tricampeonato continental do Palmeiras saiu aos 5 minutos da prorrogação

Da Redação 29/11/2021 • 20:47
Scarpa foi titular na final da Libertadores
Scarpa foi titular na final da Libertadores
Foto: Cesar Greco / Palmeiras

O Palmeiras só confirmou o seu tricampeonato da Libertadores diante do Flamengo após os 90 minutos, com o gol marcado por Deyverson na prorrogação. Mas tem jogador do time campeão que acredita que o jogo poderia ter sido definido bem antes dos 120 minutos.

Em entrevista ao Donos da Bola, da Rádio Bandeirantes, o meia Gustavo Scarpa, titular de Abel Ferreira na final de sábado (27), afirmou que o Palmeiras tinha condições de resolver a parada ainda no tempo normal.

"Mesmo com as chances que o Flamengo criou, a gente poderia ter vencido o jogo sem precisar levar pra prorrogação", disse o jogador.

O Palmeiras abriu o pacar em Montevidéu com Raphael Veiga, aos 5 minutos de jogo. No segundo temp, Gabigol empatou aos 28 e levou o jogo para a prorrogação. No tempo extra, Michel teve uma ótima chance para deixar o Fla na frente, mas, minutos depois, Deyverson fez o gol da consagração palmeirense.

De olho no Mundial

A Fifa realizou hoje o chaveamento do Mundial de Clubes, que será disputado em fevereiro, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. O rival do Palmeiras nas semifinais sai do confronto entre Al Ahly, do Egito, e Monterrey, do México.

Para Scarpa, o Palmeiras tem uma chance de ouro de fazer um Mundial histórico, bem diferente do que aconteceu na edição 2021.

"Estamos muito empolgados para o Mundial. A expectativa é grande. Vamos nos sacrificar para trazer algo melhor que em 2021 e marcar nosso nome novamente na história do clube. Acho que demos azar no Mundial passado. Não tivemos muito tempo para preparar", disse o meia.

No Mundial de 2020, o Palmeiras perdeu as semifinais para o Tigres, do México, por 1 x 0, e foi novamente derrotado na disputa pelo terceiro lugar para o Al-Ahly, do Egito, nos pênaltis.