Jogo Aberto

Denílson analisa ambiente no Flamengo: "Está difícil para o Paulo Sousa"

Comentarista afirmou que não enxergou polêmicas nas falas do treinador sobre ausência de Diego Alves no gol

Da redação, com Jogo Aberto 20/05/2022 • 12:46 - Atualizado em 20/05/2022 • 16:54

A mais nova crise do Flamengo envolve uma das estrelas do time: o goleiro Diego Alves. O jogador não tem vivido uma boa relação com o treinador Paulo Sousa, que externou a ausência do goleiro que, segundo ele, não jogou contra o Botafogo por estar com dores.

"Aqui os processos não são assim, os jogadores para jogar têm que treinar. E ele não treinou nenhum dia desde o jogo contra o Botafogo, por isso não podia estar relacionado", disse o treinador em coletiva de imprensa.

No Jogo Aberto desta sexta-feira, 20, Denílson afirmou que tem algo estranho no Flamengo e não viu maldade nas falas de Paulo Sousa, mas sim coerência.

“Está estranho, de verdade. Não vi polêmica ou maldade na declaração do Paulo Sousa, achei até coerente. Se o cara não treinou, não tem como ele jogar. Independentemente se está treinando separado ou com o time e é uma escolha do treinador. Eu não sei em qual ponto incomodou o Alves”, disse Denílson.

O comentarista vê o ambiente complicado para Paulo Sousa. Para Denílson, os problemas internos e externos têm impactado no trabalho do técnico.

“Está difícil para o Paulo. Quando não é uma declaração interna, é externa, no caso do Jesus, tumultuando. Ele deu uma resposta positiva, venceu e teve união dos jogadores comemorando com ele. O ideal seria vir os dois a público. Fala com a imprensa e resolve o assunto e acabou”, afirmou.

A torcida do Flamengo tem pedido a saída do treinador e o retorno de Jorge Jesus, além das demissões de Landim, presidente, Marcos Braz, vice de futebol, e Bruno Spindel, diretor executivo de futebol.