Jogo Aberto

Denílson condena ameaças de torcedores e não descarta saída de Tardelli do Santos

Jogador foi perseguido e ameaçados por torcedores após eliminação na Copa do Brasil

Da Redação, com Jogo Aberto 15/09/2021 • 12:23

O atacante Diego Tardelli estreou na noite da última terça (14) pelo Santos, na eliminação para o Athletico Paranaense pela Copa do Brasil e denunciou ter sofrido ameaças de torcedores após a partida.

No Jogo Aberto desta quarta (15), Denílson analisando e comentou as imagens divulgadas pelo jogador do Santos, mostrando torcedores cercando seu carro e depois fugindo. 

“Essa pressão no Tardelli é assustadora. Manifestação é normal aqui no futebol brasileiro. O que não é normal são essas imagens. E não deve ter só essas imagens, a rua deve ter monitoramento. Então, se você pesquisar e buscar, porque para mim isso é caso de polícia, você consegue reconhecer algumas pessoas e ir atrás. Mas isso não vai acontecer, né”, disse Denílson.

A apresentadora Renata Fan também comentou a falta de uma investigação e punição para torcedores que ameaçam e atacam jogadores.

“Seria bom que fossem atrás, que resolvessem. Mas a gente sabe que essas pessoas, elas se sentem impunes. Elas fazem isso porque não esperam uma punição, acham que estão defendendo o Santos”, disse Renata.

No início do ano, o treinador argentino Ariel Holan deixou o Santos após torcedores terem ido até a sua residência na baixada santista e o ameaçado. Já no caso de Tardelli, Denílson também não descarta que o jogador deixe o Peixe.

“O Tardelli, não sei não. Ele já está confortável financeiramente, não sei se não vai mexer com a cabeça dele também. Ele não precisa estar no Santos para fazer a vida financeira, ele já está resolvido”, comentou Denílson.

  • Diego Tardelli
  • Jogo Aberto
  • Santos