Jogo Aberto

Renata Fan e Denílson criticam punição a jogador que agrediu árbitro e defendem banimento

William Ribeiro chutou a cabeça do juiz Rodrigo Crivellaro em partida da Série A2 do Gaúcho

Da Redação, com Jogo Aberto 19/10/2021 • 12:32

Renata Fan e Denílson criticaram a punição dada ao jogador William Ribeiro, do São Paulo-RS, que agrediu o árbitro Rodrigo Crivellaro com um chute na cabeça durante o jogo contra o Guarani-RS, pela Série A2 do Campeonato Gaúcho.

William foi suspenso por dois anos pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul (TJD-RS), sanção considerada pequena pela dupla do Jogo Aberto.

Denílson afirmou que esperava que o agressor fosse banido do esporte.

“William Ribeiro tem que agradecer, porque era para ter sido banido do esporte”, declarou o pentacampeão no Jogo Aberto desta terça-feira (19). “Saiu barato”, completou.

Para o comentarista, uma punição mais forte serviria para casos como esses não acontecerem mais.

Renata Fan: “Vergonhoso”

Renata Fan chamou a punição de “vergonhosa”, mas lembrou que William ainda vai responder na Justiça comum.

“É vergonhoso saber que a lei não dá uma punição mais severa”, disse.

“[Suspensão de] Dois anos no futebol, mas tem o processo penal, que vai continuar, e ele sabe que a repercussão tem impacto, não termina por aí. No aspecto esportivo foi muito pouco”, afirmou Renata.

William Ribeiro vai responder por tentativa de homicídio qualificado e pode pegar até 20 anos de prisão, caso seja condenado.