Os Donos da Bola

Neto declara torcida para o São Paulo e admite inveja do Palmeiras

Craque Neto citou rivalidade com o Corinthians e relembrou choro ao sair do Verdão em 1989

Da Redação, com Os Donos da Bola 17/05/2021 • 13:59 - Atualizado em 17/05/2021 • 14:09

Com a eliminação do Corinthians do Paulistão, o Craque Neto já definiu para quem vai torcer na final: o São Paulo. No Os Donos da Bola desta segunda-feira, 17, um dia depois da derrota do Timão para o Palmeiras em Itaquera, o apresentador explicou o motivo da torcida: a rivalidade. Mas Neto negou que tenha ódio pelo Verdão, clube onde jogou no fim da década de 1980.

“Vou torcer para o São Paulo por causa da rivalidade. Não é por que eu odeio o Palmeiras, muito pelo contrário. Sou agradecido ao Palmeiras, que me deu a oportunidade de comprar minha primeira casa para mim e minha família”, disse Neto, que abriu o programa detonando a diretoria do Corinthians.

Neto saiu do Palmeiras em 1989, envolvido em uma troca com o Corinthians. A saída, como ele conta, foi turbulenta, mas acabou rendendo o primeiro título do Brasileirão do clube e criando a idolatria da Fiel ao meia. Mas a transferência deixou marcas.

“Eles [do Palmeiras] me mandaram embora, como é que vocês querem que eu goste do Palmeiras se eles me trocaram. Saí igual cachorro, com o rabo entre as pernas”, afirmou.

“O Velloso sabe o tanto que eu chorei quando saí de lá [do Palmeiras]”, completou.

Neto fez questão ainda de exaltar o Verdão atual. “E o Palmeiras vai pra cima da Copa do Brasil, Libertadores, Brasileiro... Porque tem gente honesta, um estádio incrível. Tem que chupar mesmo. Tô com uma inveja boa dos caras”, admitiu.

Assista à íntegra do programa:

  • São Paulo
  • Palmeiras
  • Craque Neto