Os Donos da Bola

Neto se revolta com gritos para Crespo no Morumbi e vê injustiça com Ceni

Apresentador disse que organizada teve "pensamento pequeno" após retorno do ídolo

Da Redação, com Os Donos da Bola 15/10/2021 • 13:14 - Atualizado em 15/10/2021 • 13:55

No programa Os Donos da Bola desta sexta-feira (15), Craque Neto ficou indignado com a postura da Independente, principal organizada do São Paulo, de gritar o nome de Hernán Crespo e “ignorar” Rogério Ceni na reestreia do ídolo no comando do Tricolor diante do Ceará. 

“O Rogério falou que a atmosfera no Flamengo é diferente. E é óbvio que é. Não quer dizer que seja maior ou menor. E aí a organizada esquece tudo que ele fez como jogador? O maior ídolo da história do São Paulo?”, questionou o apresentador. 

“E aí vão e cantam o nome do Crespo, que ganhou um Paulista? O Ceni deu um Mundial para vocês! Crespo? Com todos os erros que o Ceni possa ter cometido, ele é o maior ídolo do São Paulo”, completou. 

Neto disse que Ceni só se deu mal na primeira passagem como treinador do São Paulo “porque quis ser presidente junto ao Leco e foi traído, como sabia que ia acontecer”. E voltou a pedir respeito da torcida ao M1to. 

“A torcida pagou ingresso e tem direito. Mas é justo? O cara é um mito. Todos têm goleiro, só o São Paulo tem Rogério Ceni. São 17 títulos no São Paulo. Só não tem a Copa do Brasil, que o clube não tem. Isso é um pensamento pequeno”, concluiu.  

Ex-companheiro de Ceni no São Paulo, Souza também se irritou com o comportamento da torcida. “Totalmente fora de contexto. A mesma torcida que conviveu com o cara por 25 anos… Só faltava ele chegar a um clube dizendo que ama o outro”, afirmou.