Esportes

NBA: Com mais um vice do Phoenix Suns, a maldição das Karsdashians continua

Devin Booker foi um dos destaques do Phoenix Suns na temporada e deixou a desejar nas finais da NBA

Rodrigo Lima 06/07/2021 • 19:16 - Atualizado em 04/01/2022 • 16:11
Devin Booker é mais uma "vitima" das Kardashians
Devin Booker é mais uma "vitima" das Kardashians
NBA

Finalista da NBA e uma das estrelas do Phoenix Suns, o ala-armador Devin Booker, de 24 anos, também conhecido por namorar a mais discreta das irmãs do clã Kardashian-Jenner, a modelo Kendall Jenner, não conseguiu pôr fim a uma "maldição” na NBA, que tem a ver justamente com a família da namorada, a top model mais bem paga do mundo.

A sina: nunca um atleta da NBA que se relacionou com alguém da família Kardashian teve muita sorte na maior liga de basquete do mundo. Muito pelo contrário: a maldição envolve fracassos e contusões. 

A nova “vitima” da "maldição" da família de Kendall Jenner é Devin Booker, com quem tem um relacionamento desde 2020.

A própria Kendall contribui com essa zica. Ela já namorou os jogadores Chandler Parsons, D'Angelo Russell, Jordan Clarkson, Blake Griffin, Ben Simmons e Kyle Kuzma, e todos eles tiveram temporadas decepcionantes após se relacionarem com a modelo.

Mas a “culpa” não é só de Kendall. Suas irmãs Khloé Kardashian, que namorou Rashad McCants, James Harden, Tristan Thompson,  e Kim Kardashian, que foi casada por 72 dias com Kris Hunphries, também possuem uma parcela nessa história.

Apesar de toda a brincadeira com o clã Kardashian-Jenner, Devin Booker é quem deixou a desejar em quadra.

Após uma temporada regular com média de 25.6 pontos por jogo e 27.3 nos playoffs, comandando a equipe de Phoenix até as finais, Devin Booker foi essencial para o Suns vencer as duas primeiras partidas e bateu o recorde de mais pontos marcados por um jogador em sua primeira pós-temporada.

Mas, o que Booker não contava, além da “maldição” e sua queda de desempenho nos últimos quatro jogos das finais, é que Giannis Antetokounmpo ativasse o modo “greek freak” e virasse a série, dando o título ao Milwaukee Bucks. E, assim, segue o folclore da maldição das Kardashians.

Quem é Devin Booker:

Filho de Melvin Booker, que teve passagens sem muito destaque por Houston Rockets, Denver Nuggets e Golden State Warriors, Devin Booker chegou na NBA em 2015, ao ser selecionado na 13ª escolha pelo Phoenix Suns no draft da NBA. Antes, o ala-armador defendeu no basquete universitário o Kentucky Wildcats, que representa a universidade de Kentucky, uma das equipes mais vitoriosas da Divisão I da NCAA.

Em sua primeira temporada pelo Suns, Devin Booker foi nomeado para o NBA All-Rookie Team em 2016, sendo eleito uma das maiores revelações da temporada 2015/16. Na temporada seguinte, Booker entrou para a história ao se tornar o sexto e mais jovem jogador da história da NBA a conseguir atingir a marca de 70 pontos em uma partida, na derrota da sua equipe para o Boston Celtics, por 130–120. Desde então, Devin Booker vem em ascensão na NBA e foi duas vezes escolhido para o All-Star Game, em 2020 e 2021.